Coronavírus: Devemos realizar rastreio universal para SARS-CoV-2 em gestantes pré-parto?

Um estudo realizado em Nova York (NY) onde avaliou o rastreio universal para SARS-CoV-2, o novo coronavírus, em gestante que internaram para o parto.

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar esse conteúdo crie um perfil gratuito no AgendarConsulta.

Em 13 de abril o New England Journal of Medicine (NEJM), publicou um artigo de um estudo realizado em Nova York (NY) onde avaliou o rastreio universal para SARS-CoV-2, o novo coronavírus, em gestante que internaram para o parto.

mulher grávida em trabalho de parto após rastreio de gestantes para coronavírus

Rastreio para coronavírus em gestantes

O estudo foi realizado no New York–Presbyterian Allen Hospital e Columbia University Irving Medical Center, os dois hospitais entre os dias 22 de março e 3 de abril adotaram a conduta de rastreio universal na admissão das 215 gestantes que foram internadas.

Como resultado eles viram que apenas 4 (1,9%) pacientes apresentavam sintomas de SARS-CoV-2 na admissão e tiveram exames positivos, das 211 restantes 29 (13,5%) apresentaram testes reagentes, porém estavam assintomáticas no momento da internação e 182 (84,6) eram assintomáticas e com exames negativos.

Leia também: Ginecologia e obstetrícia: cuidados com equipamentos durante pandemia de Covid-19

Após o parto, apenas 3 (10%) puérperas que previamente apresentaram exames positivos evoluíram com sintomas da doença, todavia 2 estão tratadas para endometrite simultaneamente. Das 182 gestantes com testes negativos, apenas uma apresentou swab positivo e sintomatologia três dias após o parto.

Conclusão

Esse estudo vem reforçar que nem todo paciente infectado pelo SARS-CoV-2 apresentará sintomatologia, podendo permanecer disseminando a doença em virtude de não saber que está contaminado; As gestantes foram incluídas no grupo de risco, requerendo assim mais cautela quanto a profilaxia da infecção prévio, intra e pós parto para evitar demais complicações.

Referência bibliográfica:

  • Sutton D, et al. Universal Screening for SARS-CoV-2 in Women Admitted for Delivery. The New England Journal of Medicine. April, 13. DOI: 10.1056/NEJMc2009316.
Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastre-se grátis Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo

Selecione o motivo:
Errado
Incompleto
Desatualizado
Confuso
Outros

Sucesso!

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo.

Você avaliou esse artigo

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Baixe e-books, e outros materiais para aprimorar sua prática médica e gestão Baixe e-books, e outros materiais
para aprimorar sua prática
médica e gestão