Leia mais:
Leia mais:
Doação de leite humano é impactada negativamente pela Covid-19, segundo estudo
Hepatite: Existe risco pós-vacina contra covid-19?
Ômicron XE: entenda o que é a variante recombinante do SARS-CoV-2
Vacinas contra covid-19: O que temos descrito sobre alterações da retina pós vacina?
Covid-19: Ministério da Saúde oficializa quarta dose para idosos acima de 70 anos

Covid-19: boletim traz balanço de infecções e óbitos em profissionais de saúde no Brasil

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

Segundo o mais recente Boletim Epidemiológico Especial publicado pelo Ministério da Saúde (MS), de número 21, até o dia 4 de julho, foram confirmados 173.440 casos de síndrome gripal (SG) relacionados à Covid-19 em profissionais da área da saúde em todo o território brasileiro.

Os técnicos ou auxiliares de enfermagem (59.635) estão em primeiro lugar, com o maior registro de casos, seguidos pelos enfermeiros (25.718), médicos (19.037), agentes comunitários de saúde (8.030) e recepcionistas de unidades de saúde (7.642).

Já 697 profissionais de saúde precisaram ser internados em hospitais em decorrência da Covid-19. Nesta contagem os técnicos ou auxiliares de enfermagem também foram os mais afetados, com 248 casos, seguidos pelos médicos (150) e enfermeiros (130). Além disso, 138 óbitos foram registrados entre os profissionais da área.

Leia também: Covid-19: OMS reconhece transmissão pelo ar durante procedimentos que geram aerossóis

Boletim do Ministério da Saúde traz número de profissionais de saúde brasileiros infectados por Covid-19

Sistema Único de Saúde

Durante a coletiva de imprensa, realizada no dia 8 de julho, em Brasília, o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Arnaldo Correia de Medeiros, destacou a capacidade técnica e assistencial do Sistema Único de Saúde (SUS) durante a pandemia.

“As equipes de saúde estão atendendo à população ininterruptamente, destacando o esforço que todos estão desempenhando. Por causa do esforço do governo e dos profissionais de saúde por todo o país, temos conseguido evitar mais casos de infecções e óbitos”, ressaltou o secretário.

Arnaldo Medeiros também salientou que os gestores e a população das regiões Sul e Centro Oeste devem ficar alertas com os crescentes números de novos infectados nas regiões.

“Estamos muito preocupados com os estados da região Sul, que há quatro semanas vem em uma crescente, com um aumento significativo no número de casos, assim como a região Centro-Oeste. Agora fica o sinal de alerta para as pessoas dessas regiões, que devem adotar as medidas de saúde para segurança. Principalmente agora em que o clima esfria, é necessário manter os ambientes arejados”, explicou o secretário.

Saiba mais: Exame genético que detecta o novo coronavírus em larga escala é desenvolvido no Brasil

Projetos de pesquisas para o enfrentamento da Covid-19

Foi divulgado o resultado final da chamada pública para a seleção de pesquisas para o enfrentamento da Covid-19 e de outras síndromes respiratórias. As propostas seguiram onze linhas temáticas de pesquisa.

Foram selecionados 90 projetos de pesquisa, no valor total de R$ 45,5 milhões, entre 2.219 propostas enviadas para avaliação através de parcerias entre o Ministério da Saúde (MS), o Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Na avaliação das propostas, foram analisadas como as ideias poderiam ser aplicadas ao SUS. As perspectivas de impacto positivo nas condições de saúde da população, o impacto e a relevância do projeto para o aprimoramento da atenção à saúde e vigilância da Covid-19, além de outros critérios técnicos.

Por se tratar de emergência de saúde pública de importância internacional, essas pesquisas destinam-se a fornecer novas evidências e subsídios ao enfrentamento da pandemia do novo coronavírus. Sendo de grande relevância para tomada de decisão e gestão em saúde.

*Esse artigo foi revisado pela equipe médica da PEBMED

Referências bibliográficas:

Autor(a):

Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastrar Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades
Referências bibliográficas:

    O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

    Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.