Pebmed - Notícias e Atualizações em Medicina
Cadastre-se grátis
Home / Enfermagem / Cuidados de enfermagem ao paciente em uso de ciclofosfamida
vidro de ciclofosfamida deitado na mesa com cápsulas fora

Cuidados de enfermagem ao paciente em uso de ciclofosfamida

Esse conteúdo é exclusivo para
usuários do Portal PEBMED.

Tenha acesso ilimitado a todos os artigos, quizzes e casos clínicos do Portal PEBMED.

Faça seu login ou inscreva-se gratuitamente!

A ciclofosfamida é um medicamento antineoplásico, que atua se ligando ao DNA das células tumorais após a ativação pelo fígado. É agente ciclo celular não específico, que permanece ativo em todas as fases de divisão celular. Pode ser usado para tratamento de diversas doenças oncológicas, dentre elas: leucemias e linfomas.

É importante que o enfermeiro saiba que a ciclofosfamida não possui ação vesicante durante a sua administração, o período Nadir ocorre de sete a 14 dias após a administração do quimioterápico e a recuperação medular se estabelece entre 18 e 25 dias após a administração.

As principais toxicidades são hematológicas (anemia, leucopenia, trombocitopenia); gastrointestinais (náuseas, vômitos, mucosite, diarreia, etc.); cistite hemorrágica, cistite não hemorrágica, hiperpigmentação na pele, hepatotoxicidade, nefrotoxicidade, cardiotoxicidade (altas doses), reações alérgicas em vias aéreas superiores (coriza, lacrimejamento, espirros, congestão nasal).

Ciclofosfamida: cuidados em enfermagem

Os principais cuidados de enfermagem ao paciente com doença oncológica que faz uso de ciclofosfamida são:

  1. Avaliar e monitorar os resultados dos exames laboratoriais (níveis séricos de eletrólitos, plaquetas, leucócitos, hematócrito, hemoglobina, etc.).
  2. Calcular a área de superfície corporal e conferir a dose prescrita.
  3. Administrar ciclofosfamida no período da manhã, pois durante o dia as micções são mais frequentes.
  4. Verificar os sinais vitais antes da administração.
  5. Medir a diurese antes e depois da administração.
  6. Diminuir a velocidade de infusão em caso de presença de sintomas, como coriza, lacrimejamento, espirros e congestão nasal.
  7. Estimular e monitorar a hidratação oral. Orientar os pacientes adultos a ingerir de dois a quatro litros de líquidos no dia da administração e também nos dois dias subsequentes.
  8. Realizar a hiper-hidratação venosa, conforme prescrição, para a prevenção da cistite hemorrágica.
  9. Orientar o paciente a aumentar o número de micções durante a administração da droga, para manter a bexiga vazia, de preferência de duas em duas horas.
  10. Atentar para a presença de hematúria. Uso de fitas reagentes.
  11. Administrar mesna, alopurinol e bicarbonato de sódio, conforme prescrição, para proteção da bexiga, quando utilizado em altas doses.
  12. Orientar que a administração por via oral deve ser feita durante ou após as refeições.
  13. Atentar para os sinais e os sintomas relacionados aos efeitos colaterais (náuseas, vômitos, reações alérgicas, etc.).
  14. Orientar o paciente sobre as principais reações adversas.
  15. Orientar o paciente sobre o risco de infecções e realização de cuidados para prevenção.
  16. Orientar sobre a interação com outras medicações e desencorajar o uso de medicamentos sem a prescrição médica.

Para saber mais sobre a assistência de enfermagem ao paciente com doença oncológica em uso de outros quimioterápicos, baixe o aplicativo Nursebook.

Autor:

Referências bibliográficas:

  • Schull PD. Nurse’s Drug: handbook. 7. ed. Mc Gran Hill, 2013.
  • Bonassa EMA, Gato MIR. Terapêutica oncológica para enfermeiros e farmacêuticos. 4. ed. São Paulo, Editora Atheneu, 2012.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

×

Adicione o Portal PEBMED à tela inicial do seu celular: Clique em Salvar na Home Salvar na Home e "adicionar à tela de início".

Esse site utiliza cookies. Para saber mais sobre como usamos cookies, consulte nossa política.