Endometriose e irregularidade menstrual: trabalho noturno pode ter relação com o aumento de risco

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

Quer acessar esse e outros conteúdos na íntegra?

Cadastrar Grátis

Faça seu login ou cadastre-se gratuitamente para ter acesso ilimitado a todos os artigos, casos clínicos e ferramentas do Portal PEBMED

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Seu conteúdo tem o objetivo de informar panoramas recentes da medicina, devendo ser interpretado por profissionais capacitados.

Para diagnósticos e esclarecimentos, busque orientação profissional. Você pode agendar uma consulta aqui.

A endometriose afeta cerca de 10% das mulheres no mundo e isso equivale a cerca de 190 milhões de pessoas, e é definida como glândulas endometriais e estroma que ocorrem fora da cavidade uterina. As lesões geralmente estão localizadas na pelve, mas podem ocorrer em vários locais, incluindo intestino, diafragma e cavidade pleural. 

Endometriose e irregularidade menstrual: trabalho noturno pode ter relação com o aumento de risco

Tome as melhores decisões clinicas, atualize-se. Cadastre-se e acesse gratuitamente conteúdo de medicina escrito e revisado por especialistas

A endometriose

Esse tecido endometrial ectópico e a inflamação resultante podem causar dismenorreia, dispareunia, dor crônica e infertilidade. Os sintomas podem variar de mínimos a gravemente debilitantes. A endometriose é uma doença inflamatória benigna, dependente de estrogênio, que afeta mulheres durante os estágios hormonais pré-menarca, reprodutiva e pós-menopausa.

Novo estudo apresentado no Congresso Europeu de Endocrinologia de 2021 :

De acordo com um estudo surpreendente apresentado no 23º Congresso Europeu de Endocrinologia no domingo, 23 de maio, as mulheres que trabalham em turnos noturnos apresentam maiores risco de irregularidade menstrual e desenvolvimento de endometriose. 

A pesquisa encontrou uma redução na expressão dos genes PER-2, CRY-1 e CLOCK, juntamente com um aumento no REV-ERBb em tecidos ectópicos em comparação com os eutópicos. 

Este foi considerado o primeiro estudo que relacionou ciclo circadiano com endometriose. O trabalho foi desenvolvido em Atenas, na Grécia, e investigou a expressão dos genes relacionados ao “relógio central” em tecidos eutópico e tecidos endometriais ectópicos.

O estudo sobre a endometriose

O estudo contou com um pequeno n° de 27 pacientes com endometriose ovariana confirmada. Onze amostras pareadas foram coletadas de cistos ovarianos (tecidos endometriais ectópicos) e endométrio normal (tecidos eutópicos), enquanto outros oito tecidos endometriais ectópicos e oito eutópicos foram coletados de 16 pacientes diferentes com o mesmo diagnóstico.

Leia também: Dia Internacional da Luta contra a Endometriose

Resultados

Os resultados deste estudo demonstram uma expressão alterada de CLOCK, CRY1, PER-2 e Rev-ERBb em tecidos normais do endométrio, em comparação com os tecidos endometriais ectópicos, indicando um distúrbio do “relógio biológico”. No entanto, a relação causal do padrão de expressão alterado desses genes com o desenvolvimento da endometriose precisa de mais investigação.

A professora Eva Kassi, uma das autoras do trabalho considera que agora, tornou-se evidente que as perturbações do ritmo circadiano podem estar associadas à endometriose, já que houve uma expressão alterada dos genes do “relógio local” no endométrio ectópico. 

Entender as causas e efeitos da endometriose irão melhorar a capacidade de detectar, controlar ou mesmo prevenir a condição. 

Autora:

Referência bibliográfica:

  • Angeliki Karapanagioti, et al. Alterations in clock genes expression in eutopic and ectopic endometrial tissue, European Congress of Endocrinology 2021, 23 May 2021. DOI: 10.1530/endoabs.73.YI7

 

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Seu conteúdo tem o objetivo de informar panoramas recentes da medicina, devendo ser interpretado por profissionais capacitados.

Para diagnósticos e esclarecimentos, busque orientação profissional. Você pode agendar uma consulta aqui.

Tags

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Entrar | Cadastrar