Página Principal > Cardiologia > Entenda a relação entre prevenção de trombose e pacientes com câncer de pulmão

Entenda a relação entre prevenção de trombose e pacientes com câncer de pulmão

Tempo de leitura: 3 minutos.

O câncer de pulmão é a causa mais comum de óbitos por câncer no mundo. No Brasil, o Instituto Nacional do Câncer (INCA) estimou para 2016, 17.330 casos novos de câncer de traqueia, brônquios e pulmões entre homens e 10.890 entre mulheres, correspondendo a um risco estimado de 17,49 e 10,54 casos novos a cada 100 mil homens e mulheres, respectivamente.

O tromboembolismo venoso (TEV) é uma das principais causas de morbidade e mortalidade em pacientes com câncer. No entanto, a tromboprofilaxia primária não é rotineiramente recomendada.

Uma revisão sistemática e metanálise de ensaios clínicos randomizados recentemente publicada no Thrombosis Research foi realizada para avaliar o impacto da prevenção primária de TEVe seu efeito na mortalidade entre pacientes com câncer de pulmão.

As melhores condutas médicas você encontra no Whitebook. Clique e baixe aqui!

Foi realizada uma busca abrangente de estudos que incluíram trombo profilaxia primária farmacológica em pacientes com câncer de pulmão que receberam quimioterapia em clínicas ambulatoriais. As seguintes bases de dados eletrônicas foram utilizadas: Ovid, Scopus, DARE, CINAHL, MEDLINE (a partir de 1946), EMBASE (a partir de 1947), EBM reviews-Cochrane database of systematic reviews (a partir de 2005), EBM reviews-ACP journal (a partir de 1991)e EBM Reviews-Databases. Todas as bases foram acessadas até maio de 2016. No total, foram incluídos onze estudos envolvendo 5.107 pacientes.

Foi observado uma menor taxa de TEV no grupo de profilaxia com heparina de baixo peso molecular (HBPM) (oddsratio [OR]: 0,50; intervalo de confiança [IC] de 95%: 0,38 a 0,66; I2: 0%) sem risco de hemorragia aumentada (OR: 2,03; IC 95%: 0,78-5,25; I2: 71,1%).

Em relação a mortalidade, a análise mostrou um benefício quando todas as modalidades de prevenção de TEV foram agrupadas (HBPM, varfarina, heparina não fraccionada) (OR: 0,75; IC 95%: 0,58 a 0,96; I2: 18,4%), mas nenhuma diferença significativa quando HBPM(OR: 0,74; IC 95%: 0,49 a 1,11; I2: 56,9%) e varfarina foram analisadas individualmente (OR: 0,75; IC 95%: 0,47 a 1,21; I2: 0%).

Combinando todas as modalidades de tratamento foi observado maiores probabilidades de hemorragia (OR: 3,06; IC 95%: 1,64 a 5,72; I2: 64,4%) com maior ocorrência no grupo da varfarina (OR: 5,42; IC 95%: 3,48 a 8,45; I2: 45,7%).

Veja também: ‘Tromboembolismo venoso na gestação: novas recomendações para prevenção’

Em resumo, a tromboprofilaxia primária com HBPM revelou uma redução significativa de TEV entre pacientes ambulatoriais com câncer de pulmão sem aumento significativo no sangramento. Adicionalmente, os eventos hemorrágicos foram 3,06 vezes mais frequentes no grupo de tratamento quando analisou-se todas as modalidades de profilaxia de TEV, com um aumento de 95% associado ao sangramento maior e sangramento não maior clinicamente relevante. Houve uma redução de 25% na mortalidade por todas as causas com as três modalidades de tromboprofilaxia. No entanto, o benefício da mortalidade não persistiu quando foi analisado a varfarina e HBPM de forma independente.

Dessa forma, ressalta-se que a profilaxia de TEV com HBPM reduz a ocorrência de TEV entre pacientes ambulatoriais com câncer de pulmão, sem um aumento aparente do risco de sangramento. Há um benefício de mortalidade mensurável das estratégias de anticoagulação que permanece indescritível quando a análise é restrita a um único agente.

Autora:

JulianaFestadeVasconcellos Revisão: medicamentos para lúpus eritematoso discoide

whatsapp-250 Revisão: medicamentos para lúpus eritematoso discoide

Referências:

  • Instituto Nacional de Cancer José Alencar Gomes da Silva. INCA – Instituto Nacional de Câncer – Estimativa 2016 [Internet]. Ministério da Saúde Instituto Nacional de Cancer José Alencar Gomes da Silva. 2016. 124 p. Available from: https://www.inca.gov.br/estimativa/2014/sintese-de-resultados-comentarios.asp
  • Fuentes HE, Oramas DM, Paz LH, Casanegra AI, Mansfield AS, Tafur AJ. Meta-analysis on anticoagulation and prevention of thrombosis and mortality among patients with lung cancer. Thromb Res. 2017;154:28–34.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.