Entre os sintomas persistentes de Covid-19, quais os mais comuns? - PEBMED

Entre os sintomas persistentes de Covid-19, quais os mais comuns?

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

Quer acessar esse e outros conteúdos na íntegra?

Cadastrar Grátis

Faça seu login ou cadastre-se gratuitamente para ter acesso ilimitado a todos os artigos, casos clínicos e ferramentas do Portal PEBMED

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Seu conteúdo tem o objetivo de informar panoramas recentes da medicina, devendo ser interpretado por profissionais capacitados.

Para diagnósticos e esclarecimentos, busque orientação profissional. Você pode agendar uma consulta aqui.

O acompanhamento a longo prazo de pacientes que se recuperaram de Covid-19 tem mostrado a presença de sintomas persistentes. Cerca de 80% dos pacientes hospitalizados relatam permanência dos sintomas meses após o início. Entretanto, mesmo indivíduos com infecção leve podem permanecer com sintomatologia a longo prazo.

Um estudo publicado na JAMA acompanhou uma coorte sueca de profissionais de saúde com diagnóstico de Covid-19 leve. O objetivo do estudo original era avaliar a imunidade a longo prazo dos voluntários, mas uma subanálise com oito meses de seguimento avaliou a presença, duração e gravidade de 23 sintomas pré-definidos.

paciente com sintomas persistentes de covid-19

Tome as melhores decisões clinicas, atualize-se. Cadastre-se e acesse gratuitamente conteúdo de medicina escrito e revisado por especialistas

Sintomas persistentes de Covid-19

Ao final do período de inclusão do estudo, 323 participantes com sorologia positiva e 1.072 com sorologia negativa tiveram seus dados analisados totalizando 1.395 indivíduos. Destes, 84 (6%) apresentavam pelo menos um sintoma com oito meses ou mais de duração.

Os sintomas mais frequentemente relatados foram:

  • Anosmia;
  • Fadiga;
  • Ageusia;
  • Dispneia;
  • Distúrbios do sono;
  • Cefaleia;
  • Palpitações;
  • Dificuldade de concentração;
  • Mialgia e artralgia;
  • Déficit de memória.

Ouça também: Síndrome pós-Covid: como abordar essa condição? [podcast]

Graduando-se por gravidade, os sintomas persistentes (com ao menos dois meses de duração) mais frequentemente relatados como moderados a graves foram anosmia, fadiga, ageusia e dispneia.

Quando comparados em relação ao status sorológico, 15% dos participantes com sorologia positiva apresentavam pelo menos um sintoma moderado a grave por pelo menos oito meses, enquanto essa proporção foi de 3% nos com sorologia negativa.

Para o grau de comprometimento da vida diária, também ouve diferença entre indivíduos com sorologia positiva e indivíduos com sorologia negativa, com maior proporção de participantes soropositivos para Covid-19 referindo comprometimento moderado a intenso na vida social (15% vs. 6%), na vida doméstica (12% vs. 5%) e no trabalho (8% vs. 4%) devido à presença dos sintomas persistentes.

Mensagens práticas

  1. Sintomas persistentes de Covid-19 são frequentes mesmo em pacientes com sintomas leves, podendo durar por mais de seis meses e estando associados a comprometimento no trabalho, vida doméstica e vida social.
  2. Pacientes com diagnóstico de Covid-19 devem ser acompanhados a longo prazo independente da gravidade do quadro inicial e orientados em relação à persistência dos sintomas.

Veja mais: CROI 2021: o que temos de evidência sobre tratamento da Covid-19?

Autora:

Referência bibliográfica:

  • Havervall, S, Rosell, A, Phillipson, M, Mangsbo, SM, Nilsson, P, Hober, S, Thalin, C. Symptoms and Functional Impairment Assessed 8 Months After Mild COVID-19 Among Health Care Workers. JAMA. Doi: 10.1001/jama.2021.5612

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Seu conteúdo tem o objetivo de informar panoramas recentes da medicina, devendo ser interpretado por profissionais capacitados.

Para diagnósticos e esclarecimentos, busque orientação profissional. Você pode agendar uma consulta aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Entrar | Cadastrar