Manejo de bebês febris: a importância da avaliação completa

Para bebês que apresentam febre sem foco, a estratégia diagnóstica inclui culturas de urina, sangue e líquido cefalorraquidiano.

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar esse conteúdo crie um perfil gratuito no AgendarConsulta.

Tempo de leitura: [rt_reading_time] minutos.

Para bebês que apresentam febre sem foco, a estratégia diagnóstica inclui culturas de urina, sangue e líquido cefalorraquidiano. No entanto, dependendo da idade, nem sempre todos os exames são realizados.

Em um estudo americano publicado na revista Pediatrics, pesquisadores fizeram uma revisão da atual prática clínica norte americana em relação à coleta de material para cultura e os desfechos dos lactentes.

Para o artigo, foram analisados os dados médicos de uma clínica na Califórnia, EUA, para identificar todos os bebês febris, a termo, previamente saudáveis, nascidos entre 2010 e 2013, que precisaram de cuidados entre 7 e 90 dias de idade.

Veja também: ‘Febre infantil: qual é a abordagem mais eficaz?’

Um total de 1.380 crianças apresentaram-se com febre para antedimento, com uma taxa de incidência de 14,4 (intervalo de confiança [IC] de 95%: 13,6 – 15,1) por 1.000 nascimentos a termo. Entre os participantes:

  • 59% dos lactentes de 7 a 28 dias tiveram uma avaliação completa
  • 25% dos lactentes de 29 a 60 dias tiveram uma avaliação completa
  • e 5% dos lactentes de 61 a 90 dias tiveram uma avaliação completa

Pelos resultados, os pesquisadores observaram que os lactentes mais velhos foram menos propensos a ter uma avaliação completa, com culturas de urina, sangue e líquido cefalorraquidiano. Nos 30 dias após a febre, 1% dos bebês retornou com infecção do trato urinário. Nenhum lactente retornou com bacteremia ou meningite.

As melhores condutas médicas você encontra no Whitebook. Baixe o aplicativo #1 dos médicos brasileiros. Clique aqui!

Dra. Ana Carolina Pomodoro, pediatra e colunista da PEBMED, fala mais sobre a questão:

“Há algumas abordagens diferentes nos serviços de emergência e consultórios em relação a lactentes que apresentam febre sem foco.

Greenhow et al descreveram a atual prática clínica norte americana em relação à coleta de material para cultura nos casos de bebês febris, e revisaram os desfechos dos lactentes com e sem culturas obtidas. Os bebês de 7 a 28 dias tiveram maior porcentagem de avaliação completa em relação aos lactentes de 29 a 60 dias. Da mesma forma, estes foram melhor avaliados do que as crianças de 61 a 90 dias de vida. Os atendimentos de lactentes mais velhos em consultórios eram os menos propensos a terem cultura solicitada.

Numa reflexão mais realista percebemos que nós também costumamos negligenciar uma avaliação completa conforme aumenta a idade do lactente, fato que precisa ser repensado em cada serviço a fim de que prestemos atendimento visando tratamento mais direcionado para os patógenos mais importantes em nosso meio, melhorando nossas taxas de sucesso terapêutico”, finaliza Dra. Ana.

Referências:

  • Greenhow TL, Hung Y, Pantell RH. Management and Outcomes of Previously Healthy, Full-Term, Febrile Infants Ages 7 to 90 Days. Pediatrics. 2016;138(6):e20160270
Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastre-se grátis Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo

Selecione o motivo:
Errado
Incompleto
Desatualizado
Confuso
Outros

Sucesso!

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo.

Você avaliou esse artigo

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Baixe e-books, e outros materiais para aprimorar sua prática médica e gestão Baixe e-books, e outros materiais
para aprimorar sua prática
médica e gestão

Especialidades

Tags