Leia mais:
Leia mais:
Tuberculose e covid-19: rastreio e combate [podcast]
Isoniazida para ILTB em indivíduos com HIV em tratamento
Tuberculose: qual é a sua relevância para a pediatria?
Tuberculose: Estudo busca opções de tratamento de menor duração
Dia Mundial da Tuberculose: como identificar as tuberculoses gastrointestinais?

Nova fórmula para tuberculose pediátrica estará disponível no SUS

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

Quer acessar esse e outros conteúdos na íntegra?

Cadastrar Grátis

Faça seu login ou cadastre-se gratuitamente para ter acesso ilimitado a todos os artigos, casos clínicos e ferramentas do Portal PEBMED

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

Tempo de leitura: [rt_reading_time] minutos.

Em 2018, a Organização Mundial da Saúde (OMS) estimou que havia 234.000 mortes por tuberculose (TB) em crianças <15 anos. Essas mortes representam 15% de todas as mortes por TB, sugerindo uma maior taxa de mortalidade nessa faixa etária.

O Brasil dará um passo importante para melhorar estes números. A partir de 2020, um único medicamento efervescente será capaz de combater a infecção para a população pediátrica no Sistema Único de Saúde (SUS). A ideia principal da mudança é simplificar o tratamento e aumentar a adesão.

Veja mais: Tuberculose: novas recomendações para tuberculose resistente

Hoje, o tratamento da tuberculose infantil ocorre da seguinte forma: fase intensiva, quando são dados três medicamentos separadamente (rifampicina+ isoniazida + pirazinamida) e a fase de manutenção, com duas drogas (rifampicina + isoniazida).

Em breve, os primeiros três comprimidos serão dados em uma dose única combinada, estilo três em um. O mesmo ocorrerá na segunda fase do tratamento, em que os dois comprimidos serão reunidos em um só medicamento. Além disso, serão solúveis em água e mais palatáveis.

Recentemente, uma outra mudança do tratamento da tuberculose foi anunciada no SUS, a isoniazida de 300 mg. Anteriormente, estavam disponíveis apenas comprimidos de 100 mg, o que fazia com que um adulto precisasse, por exemplo, de três comprimidos.

cadastro portal

Autor:

Referências bibliográficas:

Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastrar Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Entrar | Cadastrar