Pebmed - Notícias e Atualizações em Medicina
Cadastre-se grátis
Home / Colunistas / Orientações da SBP sobre quarentena para crianças durante coronavírus
menina de costas, olhado para janela fechada durante quarentena do coronavírus

Orientações da SBP sobre quarentena para crianças durante coronavírus

Acesse para ver o conteúdo

Inscreva-se gratuitamente para acessar esse conteúdo e muito mais no Portal PEBMED!

Tenha acesso ilimitado a quizzes, casos clínicos, novos estudos e diretrizes atualizadas.

Preencha os dados abaixo para completar seu cadastro.

Ao clicar em inscreva-se, você concorda em receber notícias e novidades da medicina por e-mail. Pensando no seu bem estar, a PEBMED se compromete a não usar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

Inscreva-se ou

Seja bem vindo

Voltar para o portal

O Departamento Científico de Pediatria do Desenvolvimento e Comportamento da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) divulgou, recentemente, dicas relevantes para os pais durante a pandemia da doença do novo coronavírus (coronavirus disease of 2019 – Covid-19), com o intuito de contribuir na preservação do bem-estar de crianças e adolescentes.

São elas:

  • Dialogar sobre atividades prioritárias, necessidades básicas da casa, divisão de tarefas e obrigações. Os horários do trabalho de cada um dos pais devem ser organizados, tentando intercalar períodos para afazeres da casa e das crianças;
  • Os pais devem discutir a função de cada adulto para dar suporte para as crianças e adolescentes, para que o estresse não se torne tóxico;
  • Ensinar a higienizar as mãos e ensinar que deve ser um hábito diário, mesmo após a pandemia. Orientar sobre: espirrar com proteção, usar seus utensílios, evitar o contato físico e se cuidar de forma lúdica (músicas, leituras e brincadeiras);
  • Conversar tranquilamente sobre a situação atual, com linguagem simples e adequada para a idade, evitando o aumento do estresse, do medo e da ansiedade. Explicar que as medidas são de prevenção, mas que podemos esperar bons resultados. Abrir espaço para eles expressarem seus sentimentos e dúvidas;
  • Planejar a agenda dos filhos juntamente com eles, incentivando-os a organizar horários equilibrados para brincadeiras, estudo, leitura, música, atividade física, sono e tempo de tela, respeitando os limites da rotina saudável, além dos intervalos de ócio criativo;
  • Manter a dieta e a ingestão de líquidos adequadas para cada idade;
  • Alternar períodos de atividades físicas dentro do lar em mais de um horário do dia. Se possível, os pais devem fazer as atividades em conjunto com os filhos, estimulando a criatividade;
  • Incentivar atividades no quintal, na varanda ou próximo a locais mais arejados da casa ou do apartamento;
  • Estabelecer horários para o uso saudável das telas, evitando ultrapassar os limites e o acesso sem supervisão a conteúdos inadequados;
  • Estabelecer horários para jogos online com os amigos e para videoconferências com os avós (incentivar os avós a ter conversas alegres e momentos de descontração durante os contatos à distância);
  • Introduzir tarefas domésticas, de acordo com a idade dos filhos. Estimular o ensino colaborativo supervisionado durante essas atividades e ensinar afazeres de forma alegre e prazerosa;
  • Conversar com os filhos para que eles respeitem os momentos de trabalho dos adultos. Tentar sincronizar esse horário com um filme ou alguma atividade em que a criança não necessite de tanta supervisão;
  • Disponibilizar um a dois momentos do dia para que os pais possam se atualizar, sem expor as crianças a conteúdos inadequados;
  • Realizar pausas durante o dia para que a família possa estar unida de forma animada e agradável (exemplo: durante as refeições);
  • Os pais devem servir de modelo de comportamento que esperam de seus filhos;
  • Os pais devem deixar claro para todos que o momento não é de férias e sim de emergência transitória em que as atividades cotidianas devem ser cumpridas.

Quer receber as principais novidades sobre coronavírus? Inscreva-se em nossa newsletter diária!

Autora:

Referência bibliográfica:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

×

Adicione o Portal PEBMED à tela inicial do seu celular: Clique em Salvar na Home Salvar na Home e "adicionar à tela de início".

Esse site utiliza cookies. Para saber mais sobre como usamos cookies, consulte nossa política.