Página Principal > Neurologia > Privação de sono pode melhorar a depressão
imagem de uma cama

Privação de sono pode melhorar a depressão

Tempo de leitura: 1 minuto.

Em novo artigo publicado no Journal of Clinical Psychiatry, pesquisadores realizaram uma meta-análise quantitativa dos efeitos antidepressivos da privação do sono.

Para o estudo, os autores pesquisaram todos os estudos escritos em inglês sobre o tema, entre 1974 a 2016, através do banco de dados da PubMed e PsycINFO.

Um total de 66 estudos preencheram os critérios de inclusão: privação de sono experimental conduzida, relato da porcentagem da amostra que respondeu à privação do sono, definição da resposta antidepressiva e não combinar a privação do sono com outras terapias.

Resultados

A taxa geral de resposta à privação de sono foi de 45% entre os estudos que utilizaram um grupo de controle randomizado e 50% entre os estudos que não o fizeram.

A resposta à privação do sono não foi afetada significativamente pelo tipo de técnica realizada, a natureza da amostra clínica, o status da medicação, a definição de resposta utilizada ou a idade e o gênero da amostra.

Para os pesquisadores, esses achados sustentam um efeito significativo da privação do sono e sugerem a necessidade de estudos futuros.

Veja também: ‘1/4 das meninas apresenta sinais de depressão aos 14 anos’

*Esse artigo foi revisado pela equipe médica da PEBMED

Referências:

  • Elaine M. Boland, Hengyi Rao, David F. Dinges, Rachel V. Smith, Namni Goel, John A. Detre, Mathias Basner, Yvette I. Sheline, Michael E. Thase, Philip R. Gehrman. Meta-Analysis of the Antidepressant Effects of Acute Sleep Deprivation. The Journal of Clinical Psychiatry, 2017; DOI: 10.4088/JCP.16r11332

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.



Esse site utiliza cookies. Para saber mais sobre como usamos cookies, consulte nossa política.