Quais as manifestações oculares em crianças com Covid-19? - PEBMED

Quais as manifestações oculares em crianças com Covid-19?

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

Quer acessar esse e outros conteúdos na íntegra?

Cadastrar Grátis

Faça seu login ou cadastre-se gratuitamente para ter acesso ilimitado a todos os artigos, casos clínicos e ferramentas do Portal PEBMED

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Seu conteúdo tem o objetivo de informar panoramas recentes da medicina, devendo ser interpretado por profissionais capacitados.

Para diagnósticos e esclarecimentos, busque orientação profissional. Você pode agendar uma consulta aqui.

Como já identificado em outros trabalhos, alguns pacientes com coronavírus tiveram conjuntivite como sintoma inicial. Foram relatados vários casos de infecção em médicos, incluindo oftalmologistas, presumindo-se por contato próximo com pacientes infectados. Os casos em trabalhos que avaliaram a transmissão potencial pela conjuntiva foram de adultos e pouco se falou sobre as manifestações oculares em crianças.

Leia também: Blog do Whitebook: novidades no Atlas de Radiologia e Oftalmologia!

Estudo em crianças com Covid-19

Foi publicado há uma semana na revista JAMA Ophthalmology um estudo retrospectivo mostrando as características clínicas e manifestações oculares de crianças com Covid-19 no hospital infantil de Wuhan. 216 crianças com Covid-19 confirmadas por PCR entre janeiro e março de 2020 foram incluídas, sendo que 49 (22.7%) tiveram sintomas oculares. Dois desses pacientes tinham conjuntivite alérgica antes da infecção por Covid-19. Os sintomas iniciais foram predominantemente febre (37.5%), tosse (36,6%), diarreia (5,1%), fadiga (4,6%), descarga nasal (3,2%), congestão conjuntival (9 crianças, 1,9%).

Todos os pacientes se recuperaram sem maiores complicações. Os sintomas oculares foram descarga conjuntival (em 27 pacientes), incluindo 9 com secreção mucoide, 7 com secreção aquosa e 11 com secreção purulenta, congestão conjuntival (em 5 pacientes), prurido ocular (em 19), dor ocular (em 4), lacrimejamento (em 2) e edema palpebral (em 4).

Saiba mais: Protetores na lâmpada de fenda são eficazes na proteção do oftalmologista contra a Covid-19?

O manejo foi de observação sem tratamento em 23 pacientes e colírios antibióticos, antivirais e antialérgicos nos demais. Com exceção de 8 crianças que mantiveram o prurido ocular, as outras 41 se recuperaram completamente. A média de duração dos sintomas oculares foi 7 (3-10) dias.

O artigo sugere que a maior incidência de secreção conjuntival em pacientes pediátricos possa ser atribuída ao maior contato mão-olho em crianças. É sabido que a congestão conjuntival e a secreção são sintomas comuns de conjuntivite, sendo vistas também na síndrome febril em crianças. Ainda não existe tratamento específico para desordens oculares associadas a Covid-19, mas como mostrado nesse estudo a grande maioria se recupera rapidamente, sem tratamento e sem complicações.

Limitação

O estudo tem como limitação não ter conseguido a evidência do patógeno da desordem ocular (não foi feito swab conjuntival por falta de consentimento). Além disso a descrição dos sintomas pode ser subjetiva, principalmente em crianças muito pequenas, que não conseguem expressar ou descrever o desconforto. Apesar disso, torna-se importante clinicamente analisar as manifestações oculares em crianças com diagnóstico de Covid-19.

Autor(a):

Referências bibliográficas:

  • Nan Ma, Ping Li, Xinghua Wang; et al. Ocular Manifestations and Clinical Characteristics of Children With Laboratory-Confirmed Covid-19 in Wuhan, China. JAMA Ophthalmol. Published online August 26, 2020. doi:10.1001/jamaophthalmol.2020.3690

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Seu conteúdo tem o objetivo de informar panoramas recentes da medicina, devendo ser interpretado por profissionais capacitados.

Para diagnósticos e esclarecimentos, busque orientação profissional. Você pode agendar uma consulta aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Entrar | Cadastrar