Leia mais:
Leia mais:
Biópsia nas Doenças Pulmonares Intersticiais: como estamos?
Check-up Semanal: alerta sobre variante Ômicron, anestesia em fraturas do quadril em idosos e mais!
Exposição vertical ao HIV: caso clínico e principais cuidados [podcast]
Exames pré-operatórios: qual é a importância?
Mitos e verdades sobre o rastreamento do câncer de próstata [vídeo]

Quedas em idosos demenciados: o que precisamos saber

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

Quer acessar esse e outros conteúdos na íntegra?

Cadastrar Grátis

Faça seu login ou cadastre-se gratuitamente para ter acesso ilimitado a todos os artigos, casos clínicos e ferramentas do Portal PEBMED

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

Tempo de leitura: [rt_reading_time] minuto.

Quedas são mais comuns em idosos com déficit cognitivo do que nos idosos com cognição normal. Não apenas mais comuns, como também com maior chance de complicações. Estima-se que em idosos demenciados a chance de ser institucionalizado após uma queda é cinco vezes maior comparada a idosos sem demência.

Para essa população, manter a postura pode ser mais difícil e para os com prejuízo da cognição ainda mais. Esse grupo não consegue adotar posturas de segurança tão rápido quanto os outros e, por isso, se prejudicam mais das quedas. Considerando essas informações é importante elaborar estratégias que evitem as quedas em idosos.

  • Exercícios que alternam habilidades cognitivas e motoras mostram melhor resultado sobre prevenção de quedas nos idosos com demência quando comparados a exercícios que focam em habilidades motoras. Assim, exercícios cognitivos também têm impacto na prevenção de quedas, porque estimula a postura adotada pelos pacientes.
  • Também podem ser usadas medidas farmacológicas como inibidores da colinesterase e metilfenidato.

Você sabia? ‘USPSTF deixa de recomendar vitamina D para prevenção de quedas em idosos’

É médico e também quer ser colunista da PEBMED? Clique aqui e inscreva-se!

Autora:

Referências:

  • Falls in Cognitively Impaired Older Adults: Implications for Risk Assessment and Prevention – Journal of the Americans Geriatrics Society, 2017
Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastrar Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.