Pebmed - Notícias e Atualizações em Medicina
Cadastre-se grátis
Home / Infectologia / Redução da carga viral no HIV está associada com menor risco de câncer
HIV aids

Redução da carga viral no HIV está associada com menor risco de câncer

Acesse para ver o conteúdo
Esse conteúdo é exclusivo para usuários do Portal PEBMED.

Para continuar lendo, faça seu login ou inscreva-se gratuitamente.

Preencha os dados abaixo para completar seu cadastro.

Ao clicar em inscreva-se, você concorda em receber notícias e novidades da medicina por e-mail. Pensando no seu bem estar, a PEBMED se compromete a não usar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

Inscreva-se ou

Seja bem vindo

Voltar para o portal

Tempo de leitura: 2 minutos.

Pessoas com HIV estão em risco aumentado de desenvolver câncer. Em novo artigo do Annals of Internal Medicine, publicado em junho, pesquisadores tentaram determinar se a supressão viral está associada à diminuição desse risco.

Para esse estudo prospectivo de coorte, conduzido com a base do Department of Veterans Affairs, foram selecionados 42.441 veteranos HIV+ e 104.712 controles não infectados, demograficamente pareados, de 1999 a 2015.

A incidência de câncer entre pessoas soropositivas versus não infectadas foi mais alta, principalmente em pessoas com alta carga viral (HR = 2,35 [IC de 95%: 2,19 a 2,51]) e menor entre pessoas com supressão precoce (HR = 1,99 [IC de 95%: 1,87 a 2,12]) e mais baixa entre pessoas com supressão a longo prazo (HR = 1,52 [IC de 95%: 1,44 a 1,61]).

Bateu uma dúvida? O Whitebook refresca sua memória com conteúdos atualizados. Baixe aqui o nosso app.

Essa tendência foi mais forte para os cânceres definidores de AIDS (não suprimido: HR = 22,73 [IC de 95%: 19,01 a 27,19]; supressão precoce: HR = 9,48 [IC de 95%: 7,78 a 11,55]; supressão a longo prazo: HR = 2,22 [IC de 95%: 1,69 a 2,93]), muito mais fraca para cânceres não definidores de Aids causados por vírus (não suprimido: HR = 3,82 [IC de 95%: 3,24 a 4,49]; supressão precoce: HR = 3,42 [IC de 95%: 2,95 a 3,97]; supressão a longo prazo: HR = 3,17 [IC de 95%: 2,78 a 6,62] ]), e ausente para cânceres não definidores de Aids não causados por vírus.

Pelos achados, os pesquisadores concluíram que a terapia antirretroviral, que reduz a a carga viral no HIV, pode contribuir também para a prevenção do câncer, em maior grau para os cânceres definidores de Aids. No entanto, pacientes com supressão viral a longo prazo ainda apresentaram maior risco do que indivíduos não infectados.

LEIA TAMBÉM: Câncer associado ao HIV – sarcoma de Kaposi

*Esse artigo foi revisado pela equipe médica da PEBMED

Referências:

  • Park LS, Tate JP, Sigel K, Brown ST, Crothers K, Gibert C, et al. Association of Viral Suppression With Lower AIDS-Defining and Non–AIDS-Defining Cancer Incidence in HIV-Infected Veterans: A Prospective Cohort Study. Ann Intern Med. [Epub ahead of print 12 June 2018] doi: 10.7326/M16-2094

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

×

Adicione o Portal PEBMED à tela inicial do seu celular: Clique em Salvar na Home Salvar na Home e "adicionar à tela de início".

Esse site utiliza cookies. Para saber mais sobre como usamos cookies, consulte nossa política.