Leia mais:
Leia mais:
Como avaliar o tempo de repetição da troponina no paciente? [vídeo]
Conteúdos atualizados: Acalasia de Esôfago e Fibrilação Atrial
Tromboembolismo pulmonar: métodos diagnósticos e tratamento [podcast]
Crise hipertensiva: como manejar o edema agudo de pulmão?
Exames de rotina em cardiologia: quais o generalista deve solicitar?

Tromboembolismo pulmonar: métodos diagnósticos e tratamento [podcast]

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

Quer acessar esse e outros conteúdos na íntegra?

Cadastrar Grátis

Faça seu login ou cadastre-se gratuitamente para ter acesso ilimitado a todos os artigos, casos clínicos e ferramentas do Portal PEBMED

Este conteúdo foi desenvolvido por médicos, com objetivo de orientar médicos, estudantes de medicina e profissionais de saúde em seu dia a dia profissional. Ele não deve ser utilizado por pessoas que não estejam nestes grupos citados, bem como suas condutas servem como orientações para tomadas de decisão por escolha médica.

Para saber mais, recomendamos a leitura dos termos de uso dos nossos produtos.

Neste episódio, o Dr. Gabriel Quintino, especialista em cardiologia e conteudista do Whitebook, vai falar sobre tromboembolismo pulmonar (TEP). Entenda mais sobre os métodos diagnósticos – diagnósticos diferenciais –  e tratamento – há ainda espaço para o uso da Heparina não fracionada?

Veja mais: Tromboembolismo pulmonar (TEP) em pacientes com Covid-19

A doença pode ser classificada de duas formas.

Pela duração do quadro em:

  • Aguda (quadro inicia imediatamente a obstrução);
  • Subaguda (surgem sintomas após dias ou semanas);
  • Crônica (apresentação após anos de doença).

Pela localização do trombo em:

  • Sela;
  • Na bifurcação das duas artérias pulmonares (casos mais graves);
  • Lobar;
  • Segmentar e subsegmentar.

O quadro clássico engloba dor torácica aguda em pontada, ventilatório-dependente (pleurítica), dispneia, tosse e hemoptise (pouco usual). E os sintomas atípicos são: síncope, crise convulsiva, dor abdominal, febre, diminuição do nível de consciência, dor em flanco, nova fibrilação atrial, delirium (em idosos), chiado no peito.

Para esmiuçar as questões do enunciado, tenha em mente o caso clínico de um paciente que dá entrada na emergência com dor torácica e dispneia. Esses são sintomas clássicos do tromboembolismo pulmonar e que pode ser pensado como diagnóstico diferencial, mas não se tem a certeza absoluta, uma vez que a gravidade dos sintomas varia bastante.

Métodos diagnósticos e tratamento para tromboembolismo pulmonar

Qual o passo a passo para excluir os diagnósticos diferenciais?

O diagnóstico vai envolver alguns escores, como o de Wells. Entenda os próximos passos para exclusão de outros diagnósticos diferenciais no podcast completo:

 

Veja alguns conteúdos relacionados no Whitebook!

Confira também por outros players:

Não deixe de assinar o canal do Whitebook no Spotify! 😀

Abraços,

Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastrar Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

Este conteúdo foi desenvolvido por médicos, com objetivo de orientar médicos, estudantes de medicina e profissionais de saúde em seu dia a dia profissional. Ele não deve ser utilizado por pessoas que não estejam nestes grupos citados, bem como suas condutas servem como orientações para tomadas de decisão por escolha médica.

Para saber mais, recomendamos a leitura dos termos de uso dos nossos produtos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.