Home / Imunologia / Whitebook: anafilaxia

Whitebook: anafilaxia

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

Quer acessar esse e outros conteúdos na íntegra?

Cadastrar Grátis

Faça seu login ou cadastre-se gratuitamente para ter acesso ilimitado a todos os artigos, casos clínicos e ferramentas do Portal PEBMED

Essa semana publicamos uma matéria sobre anafilaxia e outras reações após vacina de mRNA da Moderna contra a Covid-19. Por isso, em nossa publicação semanal de conteúdos compartilhados do  Whitebook Clinical Decision vamos fazer a apresentação da anafilaxia.

Baixe agora gratuitamente o Whitebook e tenha tudo sobre todas as condutas médicas, na palma da mão!

Este conteúdo deve ser utilizado com cautela, e serve como base de consulta. Este conteúdo é parte de uma conduta do Whitebook e é destinado a profissionais de saúde. Pessoas que não estejam neste grupo não devem utilizar este conteúdo.

Essa semana, em nossa publicação semanal de conteúdos compartilhados do  Whitebook Clinical Decision vamos fazer a apresentação da anafilaxia.

Anafilaxia – Apresentação

Anamnese

Epidemiologia: Não existem dados a respeito da verdadeira incidência de anafilaxia no Brasil.

Quadro clínico: Apresenta-se com manifestações isoladas ou em combinação com diversos sistemas, normalmente iniciando-se 15 minutos após a exposição.

Sintomas podem incluir:

  • Pele: eritema, prurido, urticária e angioedema;
  • Gastrointestinal: náuseas, vômitos, diarreia e dor abdominal;
  • Cardiovascular: síncope, tontura, taquicardia, hipotensão e choque;
  • Vias aéreas: estridor, disfonia, rouquidão ou dificuldade de falar, dispneia, tosse, rinorreia, espirros, edema de glote e broncoespasmo;
  • Outros: convulsões e morte súbita.

Fases

    A fase efetiva da resposta imune ocorre em três padrões ou reações:

  • Aguda: inicia-se minutos após a exposição decorrente, principalmente de mediadores pré-formados;
  • Tardia: inicia-se horas após a diminuição ou o desaparecimento das manifestações da fase aguda, mesmo sem reexposição;
  • Crônica: acomete os órgãos ou tecidos expostos de maneira prolongada e repetida ao antígeno, desencadeando mudanças estruturais e funcionais.
    As reações anafilactoides (pseudoalérgicas) são indistinguíveis da anafilaxia. Entretanto, nessas não existe o componente mediado por IgE. Os mecanismos descritos são:

  • Ativação do sistema complemento e exposição de anafilotoxinas induzidas por imunoglobulinas (ex.: reação a hemoderivados com IgA em pacientes com IgG anti-IgA);
  • Ativação direta do sistema complemento e dos mastócitos;
  • Ação de anafilotoxina pré-formadas exógenas (ex.: hemoderivados).
Este conteúdo foi desenvolvido por médicos, com objetivo de orientar médicos, estudantes de medicina e profissionais de saúde em seu dia a dia profissional. Ele não deve ser utilizado por pessoas que não estejam nestes grupos citados, bem como suas condutas servem como orientações para tomadas de decisão por escolha médica. Para saber mais, recomendamos a leitura dos termos de uso dos nossos produtos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Entrar | Cadastrar