Pebmed - Notícias e Atualizações em Medicina
Cadastre-se grátis
Home / Ginecologia e Obstetrícia / Whitebook: você sabe classificar a dismenorreia?
médica escrevendo sobre dismenorreia

Whitebook: você sabe classificar a dismenorreia?

Acesse para ver o conteúdo
Esse conteúdo é exclusivo para usuários do Portal PEBMED.

Para continuar lendo, faça seu login ou inscreva-se gratuitamente.

Preencha os dados abaixo para completar seu cadastro.

Ao clicar em inscreva-se, você concorda em receber notícias e novidades da medicina por e-mail. Pensando no seu bem estar, a PEBMED se compromete a não usar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

Inscreva-se ou

Seja bem vindo

Voltar para o portal

Esta semana falamos sobre as recomendações da ACOG para diagnóstico e manejo da dismenorreia primária. Mas você sabe o que a classifica como primária? Em nossa publicação semanal de conteúdos compartilhados do Whitebook Clinical Decision, vamos falar sobre a classificação e diagnóstico diferencial das dismenorreias.

Veja as melhores condutas médicas no Whitebook Clinical Decision!

Este conteúdo deve ser utilizado com cautela, e serve como base de consulta. Este conteúdo é destinado a profissionais de saúde. Pessoas que não estejam neste grupo não devem utilizar este conteúdo.

Dismenorreia

Definição: Dor em região pélvica, descrita como cólica ou dor lombar, de caráter cíclica, que acompanha o período menstrual. Pode ser dividida em primária ou secundária.

Fisiopatologia: A dismenorreia ocorre devido a liberação de prostaglandinas que promovem a descamação endometrial no início da menstruação, cursando com contrações que, de acordo com sua intensidade, geram uma isquemia uterina e, consequentemente, um acúmulo de metabólitos anaeróbios que estimulam os neurônios da dor tipo C, causando a dor. A dor é mais intensa durantes os primeiros dias do ciclo.

Classificação da dismenorreia

Primária: Dor no período menstrual, cíclica, sem outras patologias ginecológicas associadas.

Secundária: Está relacionada com outras patologias ginecológicas. Ex.: Adenomiose, pólipos, miomatoses, doenças inflamatórias pélvicas, obstrução do fluxo menstrual. Está mais associada a outras sintomatologias tais como: disuria, dispareunia, infertilidade ou sangramento anormal.

Membranosa: Consiste na associação entre a eliminação vaginal de material elástico ou membranoso com forma da cavidade uterina associado a dor menstrual. Todavia, é pouco frequente ocorrer.

Diagnóstico diferencial

  • Abortamento;
  • Gestação ectópica;
  • Doença Inflamatória Pélvica;
  • Endometriose;
  • Adenomiose;
  • Pólipos;
  • Miomatose;
Este conteúdo foi desenvolvido por médicos, com objetivo de orientar médicos, estudantes de medicina e profissionais de saúde em seu dia-a-dia profissional. Ele não deve ser utilizado por pessoas que não estejam nestes grupos citados, bem como suas condutas servem como orientações para tomadas de decisão por escolha médica. Para saber mais, recomendamos a leitura dos termos de uso dos nossos produtos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

×

Adicione o Portal PEBMED à tela inicial do seu celular: Clique em Salvar na Home Salvar na Home e "adicionar à tela de início".

Esse site utiliza cookies. Para saber mais sobre como usamos cookies, consulte nossa política.