Home / Pediatria / 5 sintomas na infância que podem estar ligados a ansiedade e depressão na fase adulta
ansiedade e depressão

5 sintomas na infância que podem estar ligados a ansiedade e depressão na fase adulta

Pediatria, Psiquiatria
Acesse para ver o conteúdo
Esse conteúdo é exclusivo para usuários do Portal PEBMED.

Para continuar lendo, faça seu login ou inscreva-se gratuitamente.

Preencha os dados abaixo para completar seu cadastro.

Ao clicar em inscreva-se, você concorda em receber notícias e novidades da medicina por e-mail. Pensando no seu bem estar, a PEBMED se compromete a não usar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

Inscreva-se ou

Seja bem vindo

Voltar para o portal

Tempo de leitura: 2 minutos.

O aparecimento de distúrbios psicopatológicos em adultos pode ser atribuído a sintomas observados na infância, que podem ser alvo de intervenções precoces para prevenir futuros transtornos mentais. A partir disso, pesquisadores realizaram um estudo para identificar se sintomas emocionais e comportamentais entre meninas do ensino fundamental estão associados a transtornos de ansiedade ou depressão no início da idade adulta. Os resultados foram publicados em agosto no JAMA Psychiatry.

Para esse estudo prospectivo, populacional e contínuo de crianças no jardim de infância de Quebec, no Canadá, os investigadores incluíram 932 meninas cujos pais completaram um questionário de comportamento social em três momentos: quando as filhas tinham 6 (baseline), 8 e 10 anos. Setecentos e oitenta participantes foram avaliadas para a presença de transtornos mentais aos 15 e / ou 22 anos. A análise dos dados foi realizada no período de dezembro de 2016 a abril de 2018.

LEIA MAIS: Tratamento para ansiedade deve continuar por, no mínimo, 1 ano após melhora clínica

Sintomas associados a transtornos de ansiedade ou depressão

O estudo explorou 33 sintomas e categorizou-os em um modelo de cinco fatores:

  • Atenção (4 itens)
  • Hiperatividade (2 itens)
  • Disruptivo (9 itens)
  • Internalização (6 itens)
  • Social (10 itens)

Entre as 780 jovens avaliadas no follow up, 270 (34,6%) desenvolveram transtornos de ansiedade e 128 (16,4%) desenvolveram depressão maior. Cinco sintomas foram associados a esses transtornos mentais:

  1. Irritável (irritable)
  2. Culpa outras pessoas (blames others)
  3. Não ser querida por outros (not liked by others)
  4. Chora com frequência (often cries)
  5. Solitária (solitary)

Para os pesquisadores, os achados sugerem que esses sintomas podem ser centrais na indicação de possíveis distúrbios de ansiedade posteriores, e devem ser investigados como potenciais alvos iniciais em intervenções de prevenção de doenças.

LEIA MAIS: 1/4 das meninas apresenta sinais de depressão aos 14 anos

Referências:

  • Rouquette A, Pingault J, Fried EI, et al. Emotional and Behavioral Symptom Network Structure in Elementary School Girls and Association With Anxiety Disorders and Depression in Adolescence and Early AdulthoodA Network Analysis. JAMA Psychiatry. Published online August 15, 2018. doi:10.1001/jamapsychiatry.2018.2119

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Esse site utiliza cookies. Para saber mais sobre como usamos cookies, consulte nossa política.