Página Principal > Residência Médica > 6 dicas práticas para o atendimento em enfermarias
paciente sendo levado em uma maca no corredor do hospital

6 dicas práticas para o atendimento em enfermarias

Tempo de leitura: 3 minutos.

O Journal Of The American Medical Association (JAMA) publicou 6 dicas práticas para um importante período de transição na carreira do médico: a mudança entre o trabalho acadêmico e o atendimento em enfermarias.

Dica 1: planeja-se com antecedência

Planeje suas atividades clínicas de acordo com os seus horários de trabalho. Projete sua carga de trabalho, atividades administrativas, de pesquisa ou outras, sabendo que você não estará disponível para prestar a atenção nesses pontos durante o serviço. Questione-se em relação ao que precisa ser feito agora e o que pode esperar. Esta avaliação de prioridades é especialmente importante para os pesquisadores médicos que enfrentam prazos relacionados à bolsas, apresentações ou ressubmissão de manuscritos. Delegue o trabalho aos outros quando possível. Não se esqueça da família e dos amigos; maximize o tempo de qualidade com as pessoas que gosta antes do serviço.

Dica 2: evite reuniões durante o trabalho

Evite reuniões relacionadas a atividades não-clínicas quando estiver em atendimento. Esta dica também é válida para o trabalho em comitês, conferências telefônicas ou outras atribuições fora dos deveres clínicos. Sua principal responsabilidade quando em serviço é o atendimento ao doente. Faça isso bem, pois a falha prejudica permanentemente sua reputação e gera problemas para seus pacientes.

Dica 3: controle suas expectativas

Defina e comunique expectativas realistas sobre sua capacidade de honrar compromissos quando em serviço. Isso ajudará a preservar não apenas a qualidade do seu trabalho, mas também sua sanidade. Peça por extensões nos prazos e diga aos seus colaboradores que você estará em funções clínicas. Da mesma forma, deixe seu orientador saber que você estará atendendo em enfermarias – um ato simples que destaca sua previsão e o absolve de atrasos no trabalho.

Veja também: ‘Passo-a-passo da minha primeira alta hospitalar’

Dica 4: pratique a “higiene de e-mail”

É tentador tentar responder todos os e-mails quando estiver na enfermaria para manter tudo em ordem. Embora isso seja às vezes necessário, responder mensagens pode desencadear uma avalanche de informações que se tornam difíceis de gerenciar. Em vez disso, o JAMA sugere praticar a “higiene de e-mail”. Defina uma resposta automática para quando estiver no serviço que permita que as pessoas saibam que você está em funções clínicas e não responderá imediatamente.

Dica 5: mantenha as coisas em movimento

As dicas citadas acima garantem que você se concentre no que está fazendo – estar presente no momento. No entanto, você deve planejar quem gerenciará atividades e manterá os projetos em andamento quando estiver no serviço. Tarefas como a divulgação de manuscritos ou a conclusão de análises devem ser delegadas a indivíduos apropriados para que o trabalho continue. Envie manuscritos antes de entrar em serviço ou seus rascunhos para que o feedback esteja pronto no seu retorno. Em outras palavras, use o tempo clínico para sua vantagem.

Dica 6: período de recuperação

O JAMA recomenda bloquear pelo menos de metade a um dia por semana durante algumas semanas após o término do serviço para se recuperar. Este dia se torna o momento quando as edições para manuscritos, bolsas ou análises podem ser retomadas. Ele também serve como um dia para organizar suas pendências. Além disso, é tempo para cuidar de si! Faça uma caminhada ao ar livre, uma atividade divertida com familiares e amigos ou recupere o sono. Foque na sua saúde mental.

E você? Que dica daria para um colega que está nessa transição? Deixe nos comentários!

E mais: ‘7 habilidades indispensáveis para a arte da Medicina’

Referências:

  • Chopra V, Saint S. “The Tunnel at the End of the Light”Preparing to Attend on the Inpatient Medical Wards. JAMA. 2017;318(11):1007–1008. doi:10.1001/jama.2017.8324

Um comentário

  1. bruno fonseca dos santos

    Muito bom! Extremamente válido para mim já que quero fazer residencia de clinica medica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.



Esse site utiliza cookies. Para saber mais sobre como usamos cookies, consulte nossa política.