Asma: produtos de limpeza podem aumentar o risco de desenvolver a doença em crianças?

Um estudo observou uma associação entre a exposição a produtos de limpeza doméstica no início da vida e o risco de sibilância e asma aos três anos de idade.

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar esse conteúdo crie um perfil gratuito no AgendarConsulta.

Um estudo canadense de coorte observou uma associação entre a exposição a produtos de limpeza doméstica no início da vida e o risco de sibilância e asma aos três anos de idade. O artigo Association of use of cleaning products with respiratory health in a Canadian birth cohort, de Parks e colaboradores, foi publicado no jornal da Canadian Medical Association Journal (CMAJ).

produtos de limpeza que podem estar relacionados à asma

Asma e produtos de limpeza

Os pesquisadores utilizaram dados do estudo em andamento Canadian Healthy Infant Longitudinal Development (CHILD) Cohort Study. O CHILD é uma avaliação prospectiva longitudinal de uma coorte de nascimentos, acompanhando a criança desde o período gestacional até a infância. Esse estudo envolve 3455 crianças recrutadas, em sua maioria, de centros urbanos de quatro províncias canadenses (Vancouver; Edmonton; Winnipeg, Morden e Winkler, Manitoba; e Toronto).

Questionários relativos a exposições ambientais, estresses psicossociais, nutrição e saúde geral foram preenchidos pelos pais durante o recrutamento, no segundo ou terceiro trimestre de gravidez, e quando seus filhos chegam aos 3, 6, 12, 18, 24, 30 e 36 meses de idade. Avaliações clínicas periódicas, testes cutâneos e amostragem biológica de crianças também são realizados. Essa coorte prospectiva longitudinal analisa se as crianças apresentam maiores chances de sibilância recorrente e sibilância recorrente com diagnóstico de atopia e asma, quando habitam casas com maior frequência de uso de produtos de limpeza.

Leia também: Pacientes pediátricos com asma tem maior risco de infecção pneumocócica

Park e colaboradores somaram as respostas dos questionários dos pais que indicaram o uso frequente de 26 produtos de limpeza doméstica nas casas de 2022 crianças dessa coorte de nascimentos quando tinham entre 3-4 meses de idade, para criar um escore cumulativo de frequência de uso (Frequency of Use Score – FUS). Foram aplicados modelos de regressão logística multivariável para avaliar se o uso frequente versus o uso menos frequente foi associado ao diagnóstico recorrente de sibilância, atopia ou asma, conforme definido pelo questionário e pelas avaliações clínicas aos três anos de idade. Os dados foram coletados entre 2008 e 2015.

Resultados

Os pesquisadores descreveram os seguintes resultados:

  • A maioria dos 2022 participantes incluídos era branca (n = 1313, 64,9%), não tinham exposição à fumaça do tabaco até 3 a 4 meses de idade (n = 1545, 76,4%) e não apresentava histórico parental de asma (n = 1308, 64,7%);
  • Os animais de estimação estavam presentes em 57% dos domicílios (n = 862);
  • Mofo visível foi observado em 41,9% dos domicílios (n = 847);
  • 51,8% das famílias tinham uma renda anual superior a US $ 100.000 (n = 1047);
  • Os produtos mais usados ​​eram: detergente para lavagem manual de louças, detergente de lava-louças, produtos de limpeza de várias superfícies, produtos de limpeza de vidro e detergentes de roupa;
  • Entre a população da amostra, 13,8% (n = 280) eram atópicos, 8,6% (n = 174) apresentaram sibilância recorrente, 6,4% (n = 129) receberam diagnóstico de asma e 2,1% (n = 42) apresentaram sibilância recorrente com atopia aos três anos de idade;
  • O FUS variou de 5 a 76 unidades, com uma pontuação média de 31 [intervalo interquartílico (IQR) 24-37] unidades;
  • O FUS tinha um 25º percentil de 24 unidades e um 75º percentil de 37 unidades;
  • Um aumento no IQR (interquartile range increase – IQRI) no FUS (13 unidades) foi associado a chances significativamente mais altas de sibilância recorrente [odds ratio ajustada (aOR) 1,35, intervalo de confiança de 95% (IC 95%) 1,11-1,64], sibilância recorrente com atopia (aOR 1,49, IC 95% 1,02-2,16) e diagnóstico de asma (aOR 1,37, IC 95% 1,09–1,70), mas não a chances de atopia (aOR 1,14, IC 95% 0,96-1,35);
  • A associação entre o IQRI e os resultados foi mais forte para meninas do que meninos para todos os resultados, mas os valores de “p” para interação não foram estatisticamente significativos.

Os pesquisadores concluíram que o uso frequente de produtos de limpeza doméstica no início da vida foi
associado a um risco aumentado de sibilância e asma na infância, mas não atopia aos três anos de idade. Os achados de Parks e colaboradores podem, portanto, auxiliar a compreensão de como as exposições precoces a produtos de limpeza podem estar associadas ao desenvolvimento de doenças alérgicas das vias aéreas e ajudar a identificar comportamentos domésticos como uma área potencial para intervenção.

Veja ainda: Emergências em pediatria: depressão, ansiedade e a relação com asma

O que muda na prática?

Dessa forma, o ideal seria uma abordagem direcionada à prevenção do uso de produtos de limpeza e higiene onde crianças pequenas estão presentes. Os autores destacam que, na busca pela obtenção de um lar limpo e saudável (ou seja, baixo alérgeno, sem mofo e com boa qualidade do ar), é importante que os pais leiam os rótulos e sejam informados sobre os riscos associados ao uso dos produtos de limpeza.

Todavia, pesquisas adicionais são necessárias para se avaliar os benefícios de alternativas aos produtos de limpeza com spray e aerossol, o efeito desses produtos no microbioma e a identificação de métodos aprimorados de medição da exposição.

Referência bibliográfica:

  • PARKS, J. et al Association of use of cleaning products with respiratory health in a Canadian birth cohort. CMAJ, v.192, n.7, p.E154-61, 2020
Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastre-se grátis Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo

Selecione o motivo:
Errado
Incompleto
Desatualizado
Confuso
Outros

Sucesso!

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo.

Você avaliou esse artigo

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Baixe e-books, e outros materiais para aprimorar sua prática médica e gestão Baixe e-books, e outros materiais
para aprimorar sua prática
médica e gestão

Tags