Saúde Pública

Atendimentos ambulatoriais por acidentes domésticos aumentaram 303% durante a pandemia

Tempo de leitura: 2 min.

Os atendimentos ambulatoriais no Sistema Único de Saúde (SUS) por acidentes domésticos aumentaram 303% em pessoas de 0 a 15 anos durante a pandemia do novo coronavírus, segundo dados do Ministério da Saúde. Passou de 7.179 entre março e outubro de 2019 para 28.939 no mesmo período de 2020.

Ainda neste período de 2020, foram registrados 39.338 atendimentos, entre hospitalares e ambulatoriais, 112% a mais do que em 2019, quando foram contabilizados 18.525 registros.

Quando analisados os casos que necessitam de internação, de março a outubro de 2020, foram realizados 10.399 atendimentos, o que equivale a 42 casos de acidentes domésticos por dia.

Tome as melhores decisões clinicas, atualize-se. Cadastre-se e acesse gratuitamente conteúdo de medicina escrito e revisado por especialistas
Cadastrar Login

Acidentes domésticos

O Ministério da Saúde ressalta em uma nota enviada à Sociedade Brasileira de Cirurgia da Mão (SBCM) que “cabe esclarecer que os procedimentos registrados pelo SUS não representa o número de pessoas atendidas em função de acidente doméstico, tendo em vista que o mesmo paciente pode ser submetido a vários procedimentos, em tempos distintos”.

Neste cenário de aumento dos acidentes domésticos, especialistas em cirurgia da mão têm percebido um grande volume de pacientes nesta faixa etária de 0 a 15 anos, com lesões causadas por queimaduras, quedas (ao tentar se proteger com as mãos) e cortes causados por instrumentos de cozinha.

“Com o confinamento, as crianças e adolescentes ficam mais agitados, e passam a explorar novos lugares na casa, colocando-se em risco. A faixa etária de 10 a 15 anos, por exemplo, já conquistou mais autonomia e a vigilância dos pais ou responsáveis é menor. Entretanto, o desejo de viver novas experiências acaba os colocando em situações de risco. Na quarentena, muitos passaram a cozinhar e, havendo um descuido, podem sofrer sérios acidentes, como queimaduras ou cortes”, alerta o presidente da SBCM, Henrique de Barros Pinto Netto.

Orientações aos pediatras

Sem creches e com escolas atuando somente de maneira virtual, crianças e adolescentes têm passado o tempo inteiro dentro de casa devido à pandemia do novo coronavírus. E o lar pode acabar sendo um campo minado para essa faixa etária.

“É importante verificar a fase de desenvolvimento em que a criança se encontra para que se possa correlacionar com os riscos inerentes a esses períodos e planejar as medidas eficazes para a prevenção de acidentes”, diz Henrique Netto.

Um ponto importante dentro da prevenção de acidentes domésticos é o cuidado com o álcool em gel. O número de registros de problemas envolvendo o produto com as crianças tem aumentado diariamente.

Leia também: Lesões oculares em crianças associadas ao uso de soluções com álcool

Portanto, a orientação é que os pediatras alertem os pais no momento da consulta sobre os riscos envolvendo o álcool em gel e recomendar que o produto fique bem guardado em um local que não seja de fácil acesso às crianças.

“Para o uso direto na higienização das mãos dos pequenos, o melhor método é a água e sabão, excluindo a necessidade do álcool em gel”, ressalta o presidente da SBCM.

*Esse artigo foi revisado pela equipe médica da PEBMED

Autora:

Referências bibliográficas:

Compartilhar
Publicado por
Úrsula Neves

Posts recentes

Ministério da Saúde aprova dose de reforço para profissionais de saúde

Ministério da Saúde anunciou a dose de reforço contra Covid-19 para profissionais de saúde. A…

7 minutos atrás

A sustentação de carga ou mobilidade precoce após fraturas de tornozelo aumentam a chance de complicações?

As fraturas de tornozelo são lesões ortopédicas comuns, sendo tratadas, quando há indicação cirúrgica, com…

1 hora atrás

Qual a melhor opção de troca valvar aórtica em pacientes renais com estenose da valva?

Foi realizada uma análise de subgrupo para avaliar os desfechos da troca valvar cirúrgica e…

2 horas atrás

27 de setembro: Dia Nacional da Doação de Órgãos

O Dia Nacional da Doação de Órgãos visa conscientizar sobre a importância das doações e,…

3 horas atrás

Cirurgia bariátrica passa a ser classificada como eletiva essencial pelo Ministério da Saúde

A cirurgia bariátrica foi classificada como um procedimento eletivo essencial pelo Ministério da Saúde e,…

4 horas atrás

Uso de paracetamol durante a gestação deve ser cauteloso

Estudo analisou as repercussões do uso de paracetamol durante a gravidez e seus potenciais efeitos…

5 horas atrás