Leia mais:
Leia mais:
Síndrome pós-COVID-19: quais os desafios nos cuidados nutricionais?
CDC aprova o uso da vacina Moderna contra covid-19 para crianças de 6 a 17 anos
Alterações no padrão de sono após infecção por covid-19
Qual o papel da anticoagulação na covid-19?
Papel das comorbidades na infecção grave por covid-19

Covid-19: Adolescentes são incluídos para receber a dose de reforço

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

O Ministério da Saúde ampliou a recomendação da primeira dose de reforço contra a Covid-19 para adolescentes de 12 a 17 anos, incluindo gestantes e puérperas desta faixa etária. A nova orientação está em uma nota técnica publicada nesta sexta-feira (27/5) pela pasta.

Por orientação do Ministério, a dose de reforço deve ser aplicada quatro meses após a segunda dose, preferencialmente com a vacina da Pfizer, independentemente da dose aplicada anteriormente.

Caso haja indisponibilidade da vacina, a Coronavac pode ser utilizada. Os dois imunizantes são autorizados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para essa faixa etária.

No caso dos adolescentes imunocomprometidos, apenas a vacina da Pfizer deve ser usada A escolha do imunizante mais adequado para o reforço foi baseada em critérios imunológicos, eventos adversos, disponibilidade do imunizante e cenário epidemiológico.

Antes do anúncio, a dose de reforço era recomendada para a população acima de 18 anos, quatro meses após a aplicação da segunda dose. O Ministério da Saúde também orienta a população acima de 60 anos e pessoas imunocomprometidas a tomarem a segunda dose de reforço, quatro meses após a primeira.

dose de reforço

Mudança na estratégia de vacinação

Na nota técnica, a pasta ressaltou que a mudança na estratégia de vacinação se deve “a redução da resposta imune às vacinas observadas em alguns estudos e a circulação de novas variantes em um cenário onde ainda não atingimos coberturas vacinais ótimas, o reforço ao esquema primário de vacinação se tornou necessário”.

“Com o avanço da vacinação para toda a população no Brasil, foi possível recomendar doses de reforço, inicialmente para grupos prioritários, e neste momento para todas as pessoas com 18 anos ou mais”, diz a nota.

Covid-19: Idosos com 60 anos ou mais são incluídos para receber a segunda dose de reforço

Status da vacinação pelo país

O Rio de Janeiro começou a aplicar nesta segunda-feira (30/5) a dose de reforço da vacina contra a Covid-19 nos adolescentes de 12 a 17 anos, após a divulgação da ampliação da campanha nacional.

Outro estado que já começou a vacinação desta faixa etária foi São Paulo. No entanto, embora a nota técnica do Governo Federal priorize a vacina da Pfizer, o governo estadual não faz essa distinção entre os dois fabricantes.

De acordo com os últimos dados do consórcio de veículos de imprensa, até a última sexta-feira (27/5), antes da nova recomendação do Ministério da Saúde, a (primeira) dose de reforço foi aplicada em 91.963.534 pessoas, o que corresponde a 42,81% da população brasileira.

*Esse artigo foi revisado pela equipe médica da PEBMED

Autor(a):

Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastre-se grátis Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades
# NOTA TÉCNICA Nº 35/2022-SECOVID/GAB/SECOVID/MS. Ministério da Saúde. Disponível em: https://www.gov.br/saude/pt-br/coronavirus/vacinas/plano-nacional-de-operacionalizacao-da-vacina-contra-a-covid-19/notas-tecnicas/2022/nota-tecnica-no-35 # Ministério da Saúde amplia dose de reforço contra a Covid-19 para adolescentes. Ministério da Saúde. Disponível em: https://www.gov.br/saude/pt-br/assuntos/noticias/2022/maio/ministerio-da-saude-amplia-dose-de-reforco-contra-a-covid-19-para-adolescentes # Covid-19: Rio começa a aplicar dose de reforço em adolescentes. Agência Brasil. Disponível em: https://agenciabrasil.ebc.com.br/saude/noticia/2022-05/covid-19-rio-comeca-aplicar-dose-de-reforco-em-adolescentes # SP começa a aplicar dose de reforço da vacina contra Covid em adolescentes nesta segunda-feira. G1. Disponível em: https://g1.globo.com/sp/sao-paulo/noticia/2022/05/30/sp-comeca-a-aplicar-dose-de-reforco-da-vacina-contra-covid-em-adolescentes-nesta-segunda-feira.ghtml
Referências bibliográficas:

    O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

    Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.