Pebmed - Notícias e Atualizações em Medicina
Cadastre-se grátis
Home / Enfermagem / Covid-19: Novas orientações para fabricação de máscaras artesanais

Covid-19: Novas orientações para fabricação de máscaras artesanais

Esse conteúdo é exclusivo para
usuários do Portal PEBMED.

Tenha acesso ilimitado a todos os artigos, quizzes e casos clínicos do Portal PEBMED.

Faça seu login ou inscreva-se gratuitamente!

Diante do aumento da demanda de máscaras pelos serviços de saúde e público em geral, a indústria não conseguiu atender à demanda, por isso, primeiro o Ministério da Saúde do Brasil, depois a Organização Mundial da Saúde, recomendaram que a população em geral utilizassem máscaras de pano de fabricação caseira, de modo que as máscaras cirúrgicas ficassem restritas aos serviços de saúde.

Diversas indústrias de pequeno e médio porte, associações de costureiras, costureiras profissionais e até mesmo aqueles que não exercem este ofício, começaram a fabricar essas máscaras de tecido, para ajudar no combate à disseminação do novo coronavírus e vislumbraram nessa atividade uma possibilidade de renda extra.

Máscaras para Covid-19

Neste artigo, sintetizamos as recomendações da OMS para a fabricação de máscaras artesanais de tecido.

Elas devem possuir, pelo menos, três camadas:

  1. Camada interna: camada de tecido hidrofílico (absorvente), como o algodão ou tecidos misturados com algodão;
  2. Camada intermediária: camada cuja função é filtrar o ar, então pode ser composta de material sintético como o polipropileno ou camada extra de algodão
  3. Camada externa: camada de material hidrofóbico (que não absorve água), como o polipropileno, poliéster ou misturas destes.

Formato das máscaras:

  1. Podem possuir dobras planas ou serem proeminentes imitando um bico de pato, devem adaptar-se bem sobre o nariz, queixo e bochechas.
  2. Devem possuir ajuste e fixação confortável com tiras para amarrar atrás da cabeça ou elásticos sobre a cabeça ou fixando por trás da orelha.

Leia também: Caixa de acrílico para intubar o paciente com suspeita de Covid-19: usar ou não usar?

Orientações para uso

  • Devem ser de uso individual;
  • Trocadas se estiverem molhadas ou visivelmente sujas;
  • Devem ser lavadas com cuidado para não contaminarem outras roupas;
  • Após a lavagem deve-se jogar água fervente ou mergulhar no hipoclorito de sódio a 1% por 1 minuto e depois lavar com água abundante;
  • Após a lavagem, guardar a máscara limpa em plástico selável.

Orientações para a retirada da máscara:

  1. Higienizar as mãos
  2. Deixar um plástico selável acessível;
  3. Retirar a máscara pelas tiras ou elástico sem tocar na parte frontal;
  4. Acondicionar a máscara usada no plástico selável destinado para esses fins;
  5. Higienizar as mãos com álcool gel ou água e sabão.

Vale destacar que o uso da máscara não substitui as orientações de distanciamento social, higienização frequente das mãos e isolamento dos doentes.

Autor:

Referências bibliográficas:

  • World Health Organization. (‎2020)‎. Advice on the use of masks in the context of COVID-19: interim guidance, 5 June 2020. World Health Organization

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

×

Adicione o Portal PEBMED à tela inicial do seu celular: Clique em Salvar na Home Salvar na Home e "adicionar à tela de início".

Esse site utiliza cookies. Para saber mais sobre como usamos cookies, consulte nossa política.