Pebmed - Notícias e Atualizações em Medicina
Cadastre-se grátis
Home / Clínica Médica / Cuidados paliativos: dicas práticas na abordagem e controle da dor
profissional de saúde cuidando de paciente em tratamento com cuidados paliativos

Cuidados paliativos: dicas práticas na abordagem e controle da dor

Quer acessar esse e outros conteúdos na íntegra?

Cadastrar Grátis

Faça seu login ou cadastre-se gratuitamente para ter acesso ilimitado a todos os artigos, casos clínicos e ferramentas do Portal PEBMED

Para este mês, em homenagem ao Dia Mundial de Cuidados Paliativos (CP), celebrado no dia 12 de outubro, além da nova seção lançada no Whitebook Clinical Decision sobre a área, preparamos um e-book com dicas para o manejo da dor.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 40 milhões de pessoas ao redor do mundo precisam de cuidados paliativos; no entanto, apenas 14% das pessoas que necessitam desta abordagem estão efetivamente recebendo. Desse número, cerca de 78% são provenientes de países de baixa e média renda. 7

O Código de Ética Médico, desde a versão de 2010, traz contribuições para a área, com a legitimação do compromisso médico no cuidado proporcional do paciente em final de vida. Baseando-se na Resolução CFM nº1.805/2006, o código aborda o tratamento apropriado as pessoas em final de vida, respeitando suas vontades.

Porém a realidade esbarra nos problemas econômico-políticos dos países, onde há uma redução da participação do Estado na saúde, dificultando o acesso da população. Apesar de todas as recomendações e resoluções, atualmente, no Sistema Único de Saúde (SUS) do Brasil, menos de 10% dos hospitais possuem serviços organizados de CP.

Cuidados paliativos

O Cuidado Paliativo está indicado a qualquer pessoa e familiares que tenham algum sofrimento associado a doenças com risco de vida. Esse tratamento é mais eficaz quando precoce e deve focar na diminuição do sofrimento por meio da identificação das necessidades e do controle dos sintomas.

Uma parte muito importante é o controle da dor por meio da analgesia, mas saber qual a melhor opção para o paciente também pode ser um desafio. Por isso, em nosso e-book, selecionamos as melhores dicas para ajudar o profissional na hora de abordar a dor do paciente, principalmente a crônica. Além disso, falamos os melhores momentos para se usar tramadol, morfina e opioides.

ACESSE AGORA O E-BOOK DE CUIDADOS PALIATIVOS! BAIXE GRÁTIS!

Referências bibliográficas:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

×

Adicione o Portal PEBMED à tela inicial do seu celular: Clique em Salvar na Home Salvar na Home e "adicionar à tela de início".

Esse site utiliza cookies. Para saber mais sobre como usamos cookies, consulte nossa política.