Pebmed - Notícias e Atualizações em Medicina
Cadastre-se grátis
Home / Cardiologia / Estatinas diminuem mortalidade em pacientes com doença reumática?
obesidade

Estatinas diminuem mortalidade em pacientes com doença reumática?

Acesse para ver o conteúdo
Esse conteúdo é exclusivo para usuários do Portal PEBMED.

Para continuar lendo, faça seu login ou inscreva-se gratuitamente.

Preencha os dados abaixo para completar seu cadastro.

Ao clicar em inscreva-se, você concorda em receber notícias e novidades da medicina por e-mail. Pensando no seu bem estar, a PEBMED se compromete a não usar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

Inscreva-se ou

Seja bem vindo

Voltar para o portal

Tempo de leitura: 2 minutos.

As doenças reumáticas autoimunes são doenças que, em sua maioria, causam inflamação nas articulações e diminuem a qualidade de vida do paciente. Os tipos mais comuns são esclerodermia, síndrome de Sjögren, miosite, artrite reumatoide, lúpus sistêmico erimatoso, doença de Behçet e fibromialgia. Se não tratadas, podem desencadear em outros problemas futuros. As doenças reumáticas autoimunes estão associadas, inclusive, a um maior risco para o desenvolvimento de eventos cardiovasculares, geralmente potencializados por contantes inflamações e uso de corticoides.

Estatinas como prevenção de eventos cardiovasculares

Uma pesquisa realizada recentemente averiguou os efeitos das estatinas na profilaxia de eventos cardiovasculares causados por essas doenças. O estudo de coorte reuniu registros de um banco de dados britânico, coletados de um centro reumatológico entre 2000 e 2014, e os resultados foram publicados em dezembro de 2018 no The Journal of Reumatology. Os pesquisadores compararam os escores dos participantes medicados com estatinas com os que não receberam o fármaco.

Leia mais: Você sabe diagnosticar a artrite reumatoide?

Participaram da pesquisa 4610 pacientes diagnosticados com alguma doença reumática autoimune. Estes foram designados aleatoriamente em dois grupos, o primeiro grupo (n=2305) foi medicado com estatinas e o segundo grupo não iniciou tratamento com o medicamento. O tempo de follow up foi de cinco anos e o desfecho primário observado foi mortalidade.

Mortalidade

Ao final da pesquisa, houve 298 mortes entre os indivíduos medicados com estatinas, já no grupo dos participantes que não receberam profilaxia com o fármaco ocorreram 338 óbitos. A taxa de mortalidade foi de 25,4/100 pessoas por ano vs 30,3/1000 pessoas por ano.

Leia mais: Estatinas antes de angioplastia previne eventos cardiovasculares?

Resultados

Os pesquisadores constataram que o uso de estatinas foi associado a um menor risco de eventos cardiovasculares e mortalidade por todas as causas em pacientes com doenças reumatológicas autoimunes. (HR 0,84, IC 95% [0,72–0,98]).

Tenha em mãos informações objetivas e rápidas sobre práticas médicas. Baixe o Whitebook

*Esse artigo foi revisado pela equipe médica da PEBMED

Referências:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Esse site utiliza cookies. Para saber mais sobre como usamos cookies, consulte nossa política.