Página Principal > Colunistas > Hospital Amigo da Criança e os dez passos para o sucesso do aleitamento materno
Dia das Mães - massagem aumenta interação entre mãe e bebê

Hospital Amigo da Criança e os dez passos para o sucesso do aleitamento materno

Tempo de leitura: 2 minutos

Em 1989, a Organização Mundial de Saúde (OMS) e o Fundo das Nações Unidas para a Infância (United Nations Children’s Fund – UNICEF) publicaram os Dez Passos para o Sucesso do Aleitamento Materno (Ten Steps to Successful Breastfeeding). Estes dez passos resumem um pacote de políticas e procedimentos que as instituições que prestam serviços de maternidade e de recém-nascidos (RN) devem implementar para apoiar a amamentação. 

A Iniciativa Hospital Amigo da Criança (IHAC), lançada em 1991, é um componente-chave da Estratégia Global da OMS/UNICEF. A IHAC baseia-se na adesão aos Dez Passos e no Código de 1981 da OMS para Comercialização de Substitutos do Leite Materno, endossando a integração entre serviços hospitalares e a comunidade. A orientação de implementação da IHAC enfatiza estratégias para ampliar a cobertura universal e garantir a sustentabilidade do aleitamento materno ao longo do tempo. Para isso, concentra-se na integração mais completa do programa no sistema de saúde, para garantir que todas as instalações de um país implementem os Dez Passos. 

Existem evidências substanciais de que a implementação dos Dez Passos melhora significativamente as taxas de amamentação. Em revisão sistemática, Pérez-Escamilla, Martinez e Segura-Pérez  analisaram 58 estudos sobre maternidade e cuidados com RN e demonstraram claramente que a adesão a estes passos afeta o início precoce da amamentação imediatamente após o nascimento, a amamentação exclusiva e a duração total da amamentação.

No Brasil, a primeira unidade participante da IHAC foi implementada em 1992. O Brasil tem se consolidado como um exemplo na prática do aleitamento materno. Em recente artigo, a IHAC mostrou ter contribuído para a diminuição dos óbitos infantis em crianças de 7 a 180 dias no ano de 2008.  Esse artigo utilizou uma fonte para coleta de dados sobre a prevalência de amamentação em crianças nascidas em Hospitais Amigos da Criança (HAC) ou não Hospitais Amigos da Criança (NHAC) e outra para dados nacionais de mortalidade infantil. Ao longo desses anos, entretanto, o processo de titulação de hospitais não foi uniforme. Portanto, ainda são necessários maior colaboração e desenvolvimento de políticas públicas para expandir o número de instituições credenciadas nesta iniciativa no país.

Confira outros textos sobre a Semana do Aleitamento Materno: 

Autora: 

Referências:

  • World Healt Organization. Ten steps to successful breastfeeding (revised 2018). 2019. Disponível em: https://www.who.int/nutrition/bfhi/ten-steps/en/. Acesso em: 05 de ago. 2019.
  • Protecting, promoting and supporting breastfeeding in facilities providing maternity and newborn services: the revised BABY-FRIENDLY HOSPITAL INITIATIVE. 2018. Disponível em: https://www.who.int/nutrition/publications/infantfeeding/bfhi-implementation-2018.pdf. Acesso em: 05 de ago. 2019.
  • Pérez-Escamilla R, Martinez JL, Segura-Pérez S. Impact of the Baby-friendly Hospital Initiative on breastfeeding and child health outcomes: a systematic review. Matern Child Nutr,  2016; 12 (3): 402-417. 
  • Lamounier JA, et al. Iniciativa hospital amigo da criança no Brasil: 25 anos de experiência no Brasil. Rev. Paul. Pediatr. 2019. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-05822019005011104&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 05 de ago. 2019.
  • Silva OLO, et al. A Iniciativa Hospital Amigo da Criança: contribuição para o incremento da amamentação e a redução da mortalidade infantil no Brasil. Rev. Bras. Saude Mater. Infant.,  Recife 2018; 18 (3): 481-489.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.



Esse site utiliza cookies. Para saber mais sobre como usamos cookies, consulte nossa política.