Página Principal > Colunistas > Irbesartana sofre recall por presença de carcinógeno humano
Irbesartana

Irbesartana sofre recall por presença de carcinógeno humano

Tempo de leitura: 1 minuto.

Mais um anti-hipertensivo está em processo de recolhimento devido a impurezas. Recentemente, noticiamos em nosso portal o recall da valsartana em diversos países. Agora, o medicamento da vez é a irbesartana. A ScieGen Pharmaceuticals, Inc. está voluntariamente recolhendo lotes da medicação, devido à presença de uma impureza identificada como N-nitrosodietilamina (NDEA).

Essa impureza, uma substância que aparece naturalmente em certos alimentos, na água potável, poluição do ar e processos industriais, foi classificada como um provável carcinógeno humano de acordo com a Agência Internacional de Pesquisa sobre o Câncer (IARC). Nos lotes de valsartana recolhidos, além do NDEA, havia outra impureza, o N-nitrosodimetilamina (NDMA), que também é um provável carcinógeno.

Leia mais: Novidades sobre o recall da Valsartana: qual a posição do FDA?

Até o momento, a Sciegen Pharmaceuticals Inc não recebeu nenhum relato de eventos adversos relacionados a este produto. Os recalls e devoluções serão gerenciados pelos seus distribuidores. Para saber mais sobre quais lotes estão em processo de recall, acesse o link da página do Food and Drugs Administration (FDA).

É médico e também quer ser colunista do Portal da PEBMED? Inscreva-se aqui!

Autor:

Dayanna de Oliveira Quintanilha

Médica no Hospital Naval Marcílio Dias ⦁ Residência em Clínica Médica na UFF ⦁ Graduação em Medicina pela UFF ⦁ Contato: dayquintan@hotmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.



Esse site utiliza cookies. Para saber mais sobre como usamos cookies, consulte nossa política.