Home / Colunistas / O tamanho do sapato como preditor do tamanho de uma prótese ortopédica

O tamanho do sapato como preditor do tamanho de uma prótese ortopédica

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

Quer acessar esse e outros conteúdos na íntegra?

Cadastrar Grátis

Faça seu login ou cadastre-se gratuitamente para ter acesso ilimitado a todos os artigos, casos clínicos e ferramentas do Portal PEBMED

As cirurgias de substituição articular contam com inúmeros desafios para os cirurgiões. O dimensionamento adequado dos implantes é essencial para o bom resultado da cirurgia. Uma prótese ortopédica pequena pode gerar instabilidade e o implante maior do que o necessário pode limitar a mobilidade articular ou causar dor. 

Alguns pacientes submetidos a estas cirurgias podem apresentar características morfológicas especiais como nanismo ou mesmo uma anatomia óssea mais avantajada, assim vários tamanhos de implantes devem estar presentes na cirurgia para o uso do cirurgião.

Um interessante artigo foi publicado recentemente correlacionando o tamanho do calçado de pacientes submetidos a prótese ortopédica do joelho com o tamanho dos componentes utilizados na cirurgia. Trata-se de um estudo retrospectivo com nível de evidência III publicado em 2018.

prótese ortopédica deve ter o tamanho adequado

O estudo

O objetivo do artigo foi comparar a altura corporal e o tamanho do calçado com os tamanhos dos implantes em pacientes submetidos à cirurgia de artroplastia total do joelho para ver qual destes é um melhor preditor para o planejamento pré-operatório na determinação do tamanho dos implantes.

Uma análise retrospectiva foi conduzida comparando o tamanho dos sapatos no padrão americano e a altura com o tamanho da prótese utilizada na cirurgia. O estudo incluiu 100 joelhos, pertencentes a 50 mulheres e 50 homens. A largura anteroposterior e médio-lateral femoral e a largura anteroposterior e médio-lateral tibial foram correlacionadas com a altura e o tamanho do calçado.

Leia também: Inovação: próteses de baixo custo dão novo rosto a sobreviventes de câncer

A correlação entre o tamanho do calçado e as quatro dimensões do implante do joelho, AP femoral, ML, e AP e ML tibial foram maiores do que as correlações entre altura e as mesmas quatro dimensões. O tamanho do sapato funcionou como preditor do tamanho dos componentes de maneira correta em 60% dos casos contra 57% utilizando a altura como parâmetro. Considerando a margem de erro de um tamanho a mais ou a menos do que o adequado, o índice de correlação chegou a 98%.

Considerações

O estudo apresenta limitações relacionadas ao design retrospectivo, ao tamanho pequeno da amostra e da comparação utilizando apenas 2 modelos de próteses de um mesmo fabricante, entretanto seus achados podem motivar o desenvolvimento de estudos futuros investigando esta associação. Os resultados deste estudo indicaram que o tamanho do calçado é um melhor preditor das dimensões dos componentes do que a altura corporal. 

Autor:

 

Referência bibliográfica:

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Entrar | Cadastrar