Página Principal > Colunistas > Obesidade, hipertensão e diabetes avançaram na última década
balança com as letras SOS

Obesidade, hipertensão e diabetes avançaram na última década

Queremos saber a sua opinião! Gostou de ouvir essa notícia em áudio? Clique aqui e responda nossa pesquisa.

Recentemente foi divulgado pelo Ministério da Saúde os resultados da edição 2016 do estudo Vigitel. Trata-se de um levantamento anual que desde 2006 monitora a frequência e distribuição de fatores de risco para doenças crônicas por inquérito telefônico.

Os resultados mostram um aumento de 61,8 % na prevalência de diabetes e de 14,2 % na prevalência de hipertensão arterial. O Rio de Janeiro apresenta em relação às duas condições as maiores médias nacionais: 10,4% e 31,7%, respectivamente.

Veja também: ‘Consumo de frutas frescas está associado com menor risco de diabetes?’

Em relação à obesidade observou-se crescimento expressivo de 11,8 para 18,9%. Tal fato significa que mais da metade dos brasileiros encontra-se acima do peso e quase 20% da população está obesa.

Esta tendência de aumento na prevalência de terá impactos gigantescos sob diferentes pontos de vista, seja epidemiológico, clínico, atuarial, previdenciário, etc.

E mais: ‘Obesidade deve ser considerada “doença”?’

É de extrema relevância para o médico incorporar à sua prática noções de nutrologia para fornecer o aconselhamento e estímulo à mudança de hábitos que constituem a base para controle do problema.

Para conhecer os resultados, clique aqui.

As melhores condutas médica você encontra no Whitebook. Baixe o aplicativo #1 dos médicos brasileiros. Clique aqui!

Autor:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.