Ocorre a imunização fetal após vacinar as gestantes contra Covid-19?

A pandemia causada pelo Covid-19 trouxe muitas inseguranças e uma delas é a vacinação de gestantes e a imunização fetal. Saiba mais.

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar esse conteúdo crie um perfil gratuito no AgendarConsulta.

A pandemia causada pelo Covid-19 trouxe muitas inseguranças e uma delas é a vacinação durante a gestação. Diversos estudos mostraram os benefícios de vacinar as gestantes em qualquer fase gestacional (KALAFAT, 2021; BLAKEWAY, 2021).  De acordo com Flannery (2021) anticorpos IgG do vírus SARS-CoV-2 atravessam a barreira hematoplacentária após uma infecção natural, também existem evidências que isso ocorra após a vacinação contra Covid-19 que utiliza a tecnologia RNAm (MITHAL, 2021). 

vacinar gestantes

Estudo

Em setembro de 2021 foi publicado um estudo prospectivo aprovado pelo Institutional Review Boards (IRB) parte da Food and Drugs Administration (FDA) com o objetivo de avaliar a transmissão e os níveis de anticorpos contra Covid-19 detectáveis no sangue do cordão umbilical das mulheres que foram vacinadas durante a gestação.

Segundo Megan (2021) 100% das pacientes que foram vacinadas contra Covid-19 com a vacina RNAm tiveram presença de anti-S IgG em titulações altas no sangue colhido do cordão umbilical. Até mesmo uma paciente que recebeu apenas uma dose antes do parto apresentou titulação positiva em alta dose.

Leia também: Vacinação da Covid-19 em gestantes e puérperas: o precisamos saber até o momento?

Este estudo reforça a necessidade de vacinar as gestantes independente da idade gestacional, tanto por imunizar a gestante, mas também por proteger o feto. Vale ressaltar a importância do tempo entre a vacinação e o parto, pois interfere na titulação de anticorpos encontrados no sangue do cordão (MEGAN, 2021). Mais estudos são necessários para determinar se a vacinação no primeiro trimestre confere menor titulação no sangue do cordão que a vacinação no segundo trimestre de gestação.

Referências bibliográficas:

  • Megan E. TROSTLE MD , Maria E. AGUERO-ROSENFELD MD , Ashley S. ROMAN MD MPH , Jennifer L. LIGHTER MD , High antibody levels in cord blood from pregnant women vaccinated against COVID-19, American Journal of Obstetrics & Gynecology MFM (2021). doi: https://doi.org/10.1016/j.ajogmf.2021.100481
Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastre-se grátis Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo

Selecione o motivo:
Errado
Incompleto
Desatualizado
Confuso
Outros

Sucesso!

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo.

Você avaliou esse artigo

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Baixe e-books, e outros materiais para aprimorar sua prática médica e gestão Baixe e-books, e outros materiais
para aprimorar sua prática
médica e gestão