Pacientes com alergia à penicilina têm o dobro de risco de infecção de sítio cirúrgico

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

Quer acessar esse e outros conteúdos na íntegra?

Cadastrar Grátis

Faça seu login ou cadastre-se gratuitamente para ter acesso ilimitado a todos os artigos, casos clínicos e ferramentas do Portal PEBMED

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

Tempo de leitura: [rt_reading_time] minutos.

Evidências sugerem que um paciente com alergia à penicilina pode ter o recebimento de antibióticos para prevenir infecções na cirurgia comprometido. Em novo artigo da revista Clinical Infectious Diseases, pesquisadores investigaram o impacto dessa condição no risco de infecção de sítio cirúrgico (ISC).

Para esse estudo, que foi de coorte retrospectivo com casos de artroplastia de quadril, artroplastia de joelho, histerectomia, cirurgia do cólon e enxerto de revascularização do miocárdio do Hospital Geral de Massachusetts (EUA), pesquisadores compararam indivíduos com e sem alergia à penicilina, entre 2010 e 2014.

O desfecho primário foi uma infecção de sítio cirúrgico, conforme diretrizes do Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC). O desfecho secundário foi o uso de antibióticos perioperatórios.

Alergia à penicilina: será mesmo?

Resultados

No total, 8.385 pacientes foram submetidos a 9.004 procedimentos. Destes, 922 (11%) relataram alergia à penicilina e 241 (2,7%) apresentaram infecção de ferida cirúrgica. Na regressão logística multivariada, pacientes que relataram alergia à penicilina apresentaram maior risco de ISC (odds ratio [OR] ajustado = 1,51; IC de 95%: 1,02 a 2,22). Esse aumento foi inteiramente mediado pelo recebimento de um antibiótico perioperatório alternativo.

Esses indivíduos receberam menos cefazolina (12% vs 92%; p < 0,001) e mais clindamicina (49% vs 3%; p < 0,001), vancomicina (35% vs 3%; p < 0,001) e gentamicina (24% vs 3%; p < 0,001) em comparação com aqueles sem alergia à penicilina.

Pelos achados, os pesquisadores concluíram que pacientes com alergia à penicilina têm o dobro de risco de infecção de sítio cirúrgico, que pode ser atribuído ao recebimento de antibióticos perioperatórios de segunda linha.

Emergência exige urgência. Consulte o Whitebook e adquira a informação necessária de forma rápida. É só clicar aqui para baixar.

*Esse artigo foi revisado pela equipe médica da PEBMED

Referências:

  • Blumenthal KG et al. The impact of a reported penicillin allergy on surgical site infection risk. Clin Infect Dis 2018 Jan 18; 66:329 || https://doi.org/10.1093/cid/cix794
Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastrar Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Entrar | Cadastrar