Leia mais:
Leia mais:
Por que o EEG ainda não é considerado monitorização obrigatória como o ECG?
Anvisa autoriza aplicativos de eletrocardiograma e aferição da pressão arterial
Repolarização precoce pode indicar riscos ao paciente?
Wolff-Parkinson-White: tratamento por eletrofisiologistas pediátricos
Causas não-IAM para a elevação de ST no eletrocardiograma

Por que o EEG ainda não é considerado monitorização obrigatória como o ECG?

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

Com o envelhecimento populacional e mais cirurgias sendo realizadas, a prevalência de delirium pós-operatório (DPO) está aumentando. Sabemos que eventos cardiovasculares e cerebrovasculares são fontes significativas de morbidade e mortalidade. O DPO já é considerado um preditor independente de resultados adversos e está associado com anestesia profunda. O EEG fornece informações valiosas sobre o estado de profundidade anestésica do paciente. Por que ele então já não é considerado monitorização obrigatória assim como o ECG?

Leia também: EEG pode ajudar no diagnóstico precoce do autismo

Utilização do EEG

Existem vários padrões de ondas de EEG que ocorrem durante anestesia geral, medidas em Hertz (Hz), mostradas na figura abaixo. São elas: onda delta (δ), lenta, de 0,1 a 4 Hz; onda teta (θ), de 4 a 8Hz; onda alfa (α), de 8 a 13 Hz; onda beta (β), de 13 a 30 Hz; e onda gama (γ), de 30 a 80 Hz. Cada faixa de frequência representa uma profundidade anestésica e cada droga anestésica promove padrões específicos de ondas cerebrais.

O delirium pós-operatório já se tornou uma importante complicação pós-operatória que ocorre em até 20% de grandes cirurgias em pacientes > 65 anos. É um preditor independente de resultados adversos pós-operatórios, aumenta o tempo de internação, aumenta o risco de morbidade e mortalidade, diminui qualidade de vida e aumenta custos hospitalares. 

Diversos estudos demonstraram que o padrão de supressão de ondas eletroencefalográficas foi preditor independente de aumento do risco de delirium e morte em 6 meses em pacientes de terapia intensiva. O padrão de supressão reflete um estado de “silêncio” cortical, não observado durante os estados normais de sono ou vigília, e está associado com anestesia excessivamente profunda e estados patológicos, como lesão cerebral traumática, coma, hipotermia grave, hipóxia, hipoglicemia, encefalopatia, hipoperfusão cerebral, etc. Além disso, um estudo conduzido por Eyal el al. demonstrou que a presença de ondas delta e teta durante a anestesia também estão fortemente associadas com delirium e desfechos ruins.

Saiba mais: Quiz: qual o laudo desse ECG?

Uma meta-análise com mais de 9 mil pacientes demonstrou que anestesias guiadas pelo índice bispectral (BIS) diminuiu o tempo de despertar. Outros estudos mostram que o uso de monitores de EEG diminui quantidade de anestésico utilizado, tempo de permanência na sala de recuperação pós-anestésica, tempo de internação, risco de consciência intraoperatória, custos hospitalares e incidência de delirium.

Mensagem final

Sabemos que nenhum monitor é perfeito. O ECG é utilizado para avaliação de arritmias, isquemia miocárdica, alterações hidroeletrolíticas, porém não fornece por exemplo o débito cardíaco. O uso de monitores de EEG intraoperatórios fornecem informações valiosas sobre o estado de profundidade anestésica do paciente, se mostrando útil e eficaz em diversos aspectos. Infelizmente, em países menos favorecidos, são equipamentos caros e portanto, não-disponíveis em todos os hospitais. Entretanto, à partir do momento que forem considerados monitorização básica para anestesia geral, assim como ECG, pressão não-invasiva, oximetria e capnografia, essa realidade pode mudar.

Autor(a):

Referências bibliográficas:

  • Li, Yuna,b; Bohringer, Christianb; Liu, Hongb Double standard: why electrocardiogram is standard care while electroencephalogram is not?, Current Opinion in Anaesthesiology: October 2020 – Volume 33 – Issue 5 – p 626-632. doi: 10.1097/ACO.0000000000000902.
  • Gleason LJ, Schmitt EM, Kosar CM, et al. Effect of delirium and other major complications on outcomes after elective surgery in older adults. JAMA Surg. 2015;150:1134–1140. doi10.1001/jamasurg.2015.2606
  • Bis-guided anesthesia decreases postoperative delirium and cognitive decline. J Neurosurg Anesthesiol. 2013; 25:33–42. doi10.1097/ANA.0b013e3182712fba
  • Watson PL, Shintani AK, Tyson R, et al. Presence of electroencephalogram burst suppression in sedated, critically ill patients is associated with increased mortality. Crit Care Med. 2008; 36:3171–3177. doi10.1097/CCM.0b013e318186b9ce
Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastrar Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.