Qual a prevalência de esteatose hepática em crianças com fibrose cística?

As doenças hepáticas na FC englobam: colestase neonatal, aumento de enzimas hepáticas e alterações histológicas – fibrose, cirrose e esteatose hepática.

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar esse conteúdo crie um perfil gratuito no AgendarConsulta.

A fibrose cística (FC) é uma doença genética grave, frequente em indivíduos de raça branca. Ocorre em uma incidência de cerca de um para cada três mil nascidos vivos. A FC é multissistêmica e acomete glândulas sudoríparas, pâncreas, pulmões, fígado, intestino e ductos de Wolff. O acometimento hepático é a terceira principal causa de óbito, depois da insuficiência respiratória e das complicações relacionadas ao transplante pulmonar.

As doenças hepáticas na FC englobam: colestase neonatal, aumento de enzimas hepáticas, anormalidades de imagem como heterogeneidade do parênquima hepático na ultrassonografia, hipertensão porta, insuficiência hepática e alterações histológicas – fibrose, cirrose e esteatose hepática (EH).

Esteatose hepática

A EH ocorre em 20 a 60% dos casos e tem sido associada a deficiências nutricionais específicas, alteração no metabolismo de fosfolipídeos e desnutrição.

Objetivando determinar a prevalência de EH avaliada por ultrassonografia abdominal em pacientes pediátricos com FC e associá-la ao estado nutricional, Gobato e colaboradores (2019) realizaram o estudo “Prevalência de esteatose hepática em crianças e adolescentes com fibrose cística e associação com o estado nutricional”, publicado na última edição da Revista Paulista de Pediatria.

Metodologia

Gobato e colaboradores (2019) efetuaram um estudo transversal com 50 crianças e adolescentes, com idades entre 2 e 19 anos, de ambos os sexos.

Os pesquisadores aferiram o peso e a altura para calcular o índice de massa corporal (IMC) e classificação do estado nutricional. Para avaliar a composição corporal, os autores utilizaram a circunferência do braço (CB), a dobra cutânea tricipital (DCT) e a circunferência muscular do braço (CMB). Para o diagnóstico de EH, foi usada a ultrassonografia de abdome.

Os pesquisadores utilizaram os seguintes testes estatísticos: o teste t de Student, o teste de Mann-Whitney e o teste do qui-quadrado, com nível de significância de 5%.

Resultados

Dos 50 pacientes pediátricos, 18 (36%) apresentaram EH (Grupo A) e 32 (64%) não apresentaram (Grupo B).

Para as médias de idade (Grupo A: 13,3±5,0 anos; e Grupo B: 11,7±5,0 anos), IMC (Grupo A: 18,0±4,1; e Grupo B: 15,7±3,8) e DCT (Grupo A: 8,4±3,5 mm; e Grupo B: 7,0±2,5 mm), os pesquisadores não observaram diferença significativa entre os grupos.

Mais da autora: Qual a relação do autismo e excesso de peso na infância?

Os autores descreveram que a média da CB e da CMB diferiram significativamente entre os grupos, sendo mais alta no grupo com EH (valores p respectivos de 0,047 e 0,043).

O estudo, no entanto, apresentou limitações. De acordo com os pesquisadores, não foi utilizada bioimpedância elétrica para avaliação da composição corporal,não foi feito um inquérito alimentar que pudesse reconhecer a alimentação desbalanceada e uso de suplementos alimentares que poderiam interferir no estado nutricional e, por fim, foi utilizada uma amostra de conveniência com um número reduzido de pacientes.

Conclusões

Gobato e colaboradores (2019) descreveram que a frequência de EH em pacientes com FC, nesse estudo, foi elevada, entretanto não apresentou relação com a desnutrição, de acordo com os parâmetros de IMC, DCT e CMB. Os autores observaram também que os valores de CB e CMB indicaram maior reserva de massa muscular nos pacientes com EH.

Referência bibliográfica:

  • GOBATO, A. O. et al. Prevalência de esteatose hepática em crianças e adolescentes com fibrose cística e associação com o estado nutricional. Rev Paul Pediatr, v.37, n.4, p.435-441, 2019
Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastre-se grátis Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo

Selecione o motivo:
Errado
Incompleto
Desatualizado
Confuso
Outros

Sucesso!

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo.

Você avaliou esse artigo

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Baixe e-books, e outros materiais para aprimorar sua prática médica e gestão Baixe e-books, e outros materiais
para aprimorar sua prática
médica e gestão

Especialidades