Top 10 de junho: Candidíase vaginal recorrente, depressão no idoso, uso de probióticos e muito mais! [infográfico]

Aqui no top 10 de junho nós elencamos quais foram os principais assuntos do mês para que você não perca nada. Fique por dentro agora!

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar esse conteúdo crie um perfil gratuito no AgendarConsulta.

O mês de junho contou com diversos destaques no Portal PEBMED. Caso você não tenha conseguido se atualizar com as notícias do mundo da saúde, pode deixar que aqui no top 10 nós elencamos quais foram os principais assuntos de junho para que você não perca nada. Fique por dentro agora!  

10) Depressão no idoso: pontos de atenção e prescrição 

A depressão no idoso apresenta características, fatores de risco e comorbidade muitas vezes diferentes daqueles presentes em adultos mais jovens. A categoria também tem maior sensibilidade aos medicamentos antidepressivos pela maior suscetibilidade a efeitos colaterais relacionados. Saiba mais. 

9) Atuação do enfermeiro na psiquiatria 

A história da enfermagem se entrelaça com a história da assistência psiquiátrica. Na construção da clínica, os profissionais de enfermagem eram importantes na elaboração das ações de cuidado, uma vez que as observações dos pacientes geravam as primeiras classificações das doenças mentais. Veja o conteúdo completo aqui. 

8) Caso clínico: Idoso com linfocitose e assintomático – pode ser câncer? 

J.O é um senhor de 70 anos que faz acompanhamento regular com seu nefrologista de confiança devido ao diagnóstico de hipertensão arterial sistêmica, síndrome metabólica e doença renal crônica (DRC) estágio 3A de provável etiologia hipertensiva. Confira o caso clínico completo. 

7) Quiz: Paciente idosa procura emergência com vômitos incoercíveis e dor em região epigástrica. O que será? 

Paciente do sexo feminino, 82 anos, procura emergência médica devido a vômitos incoercíveis e dor em região epigástrica. Ainda na emergência foi realizada a passagem de cateter nasogástrico com a drenagem inicial de 700 ml de secreção acastanhada. Veja aqui o quiz completo.  

6) O uso de probióticos na dor abdominal funcional pode ser benéfico? 

Frequentemente, mesmo lançando mão do arsenal terapêutico tradicional, o paciente mantém dor abdominal e outras opções terapêuticas são aventadas. Estudos avaliaram o papel dos probióticos na dor abdominal funcional. Saiba mais. 

5) Os probióticos podem melhorar os sintomas da síndrome do intestino irritável? 

A síndrome do intestino irritável é um distúrbio gastrointestinal funcional caracterizado por dor abdominal associada a alteração das fezes. Os probióticos podem ser uma alternativa de tratamento para esta condição? Confira a resposta para essa pergunta. 

4) Cerca de 10% das crianças e adolescentes sofrem de enurese noturna, indica estudo 

Um estudo publicado no Journal of Pediatric Urology, envolvendo 804 crianças da Bahia e de Minas Gerais, revelou que 10% das crianças e adolescentes entre cinco e 17 anos sofrem de enurese noturna, com uma prevalência maior entre os meninos. Veja os detalhes aqui.  

3) Prescrições inadequadas de antibióticos em crianças 

O artigo Association of Inappropriate Outpatient Pediatric Antibiotic Prescriptions With Adverse Drug Events and Health Care Expenditures foi publicado no JAMA Network Open e destaca as consequências em nível individual e nacional da antibioticoterapia inapropriada, apoiando ainda mais a implementação de programas ambulatoriais de administração dessa classe de fármacos. Saiba mais. 

2) Linfangioleiomiomatose (LAM): do diagnóstico ao tratamento 

A linfangioleiomiomatose, comumente conhecida como LAM, é uma doença rara, que acomete principalmente mulheres jovens, e caracteriza-se por acometimento pulmonar e renal. O curso da doença é heterogêneo, com a sobrevida livre de transplante podendo chegar a 86% em dez anos. Veja o conteúdo diagnóstico e tratamento da LAM aqui. 

1) Candidíase vaginal recorrente: pontos de atenção e diagnóstico correto 

A candidíase vaginal é a segunda causa mais comum de vulvovaginite, fica atrás apenas da vaginose bacteriana. A cândida é encontrada em 10 a 20% das mulheres em idade reprodutiva, mas nem sempre é considerada uma doença. Confira os detalhes aqui. 

Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastre-se grátis Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo

Selecione o motivo:
Errado
Incompleto
Desatualizado
Confuso
Outros

Sucesso!

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo.

Você avaliou esse artigo

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Baixe e-books, e outros materiais para aprimorar sua prática médica e gestão Baixe e-books, e outros materiais
para aprimorar sua prática
médica e gestão