Paula Damaris Chagas Barrioso

Mestre pelo Programa de Mestrado Profissional em Atenção Primária à Saúde com tema “Cuidados Paliativos na Atenção Primária à Saúde” da Escola de Enfermagem da Universidade de São Paulo (EEUSP)  • Especialista em Oncologia pelo Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa Albert Einstein. Enfermeira do Serviço de Cuidados Paliativos do Hospital do Servidor Público Estadual de São Paulo de 2012 até 2019  • Colaboradora do Instituto Paliar desde 2016. Consultora sobre Condições Crônicas de Saúde e Cuidados Paliativos. Conteúdista PEBMED desde 2019.
enfermeiro ajeitando agulha de quimioterapia em paciente com câncer e mucosite

Recomendações de cuidados para mucosite em pacientes com câncer

Segundo a ESMO, mucosite é descrita como o surgimento de lesões inflamatórias e/ou ulceradas na cavidade oral ou trato gastrointestinal.

enfermeira cuidando de paciente com dispneia, foco nas mãos dadas

Dispneia em pacientes com doenças avançadas: ações da enfermagem

A ATS define dispneia como uma experiência subjetiva de desconforto respiratório. Pacientes podem descrever essa experiência de inúmeras maneiras.

enfermeira usando as melhores ações da enfermagem para cuidar de idosa

Choosing Wisely: práticas comuns que a enfermagem deve questionar

Associações americanas de enfermagem também participam do Choosing Wisely, solicitando que os profissionais questionem a efetividade de suas ações.

cuidados paliativos

Úlcera Terminal de Kennedy: principais intervenções de Enfermagem

A Úlcera Terminal de Kennedy caracteriza-se por ser um tipo de lesão por pressão que aparece de forma espontânea em pacientes com doenças avançadas.

enfermeiro ajudando médico a superar morte de paciente

Quando os nossos pacientes morrem: uma abordagem para os profissionais

Como enfermeira que atua sob a abordagem dos cuidados paliativos, escrevo uma mensagem aos profissionais da saúde que enfrentam a morte de seus pacientes.

xerostomia

Xerostomia em cuidados paliativos: intervenções da enfermagem

A xerostomia é definida como a sensação de secura da cavidade oral. Este é um sintoma altamente prevalente em pacientes com doenças progressivas e avançadas

idosas andando pelo corredor do hospital

Delirium no idoso: intervenções da enfermagem na prevenção e tratamento

Delirium no idoso é uma síndrome geriátrica aguda e reversível de trajetória flutuante, que altera a capacidade de atenção, cognição e consciência.

Deglutição prejudicada: avaliação e intervenções de Enfermagem

A deglutição prejudicada é o funcionamento anormal do mecanismo de deglutição relacionado a deficiências na estrutura ou função oral, faríngea ou esofágica.

tuberculose

Tuberculose resistente: definição e ações de combate

Os casos de tuberculose resistente tem aumentado em todo o mundo. É importante estabelecer medidas de enfrentamento contra essa doença.

enfermagem

A enfermagem no enfrentamento das condições crônicas de saúde

A enfermagem ajudar na qualidade da prestação de cuidados, a resolubilidade dos problemas e a navegabilidade das pessoas com doenças crônicas. Saiba mais: