Rachel Alencar

Graduação em Medicina pela UFF ⦁ Residente de Neurologia na UFRJ ⦁ Experiência em estágio de CCIH no Hospital Universitário Antônio Pedro Plantonista suplente em Terapia Intensiva no Hospital Niteroi D'or ⦁ Certificado ACLS pela Rede D'or São Luiz

Encefalopatia de Hashimoto: fatos e mitos

Pode-se especular que Lord Brain e Jellinek pensassem algo em sua descrição inicial, quando questionaram seu relato sobre encefalopatia de Hashimoto.

Cannabis: heroína ou vilã?

Apesar do estigma em torno da cannabis, as pesquisas acerca do uso tem aumentado, com resultados preliminares animadores. Confira:

Terapia dupla antiplaquetária no AVE: quando iniciar e por que? [AAN 2019]

Enquanto os estudos vão em direção ao conhecimento, reforçam-se os benefícios da terapia de dupla agregação no tratamento do AVE isquêmico.

Epilepsia: quais são os efeitos adversos dos anticonvulsivantes? [Purple Day]

Em meio a tantas opções de anticonvulsivantes, uma dificuldade pode se impor ao tratamento da epilepsia, os efeitos colaterais. Conheça os efeitos dos principais medicamentos:

Epilepsia: conheça a doença que atinge 70 milhões no mundo [PURPLE DAY]

Em ocasião do Purple Day, vamos desmistificar a epilepsia em nove artigos especiais que serão publicados aqui no Portal PEBMED. Fique de olho e não perca.

Epilepsia: quais os tipos de crise e como diferenciá-los? [Purple Day]

Dia 26 de março é comemorado o Purple Day, para alertar os perigos da epilepsia. Por isso vamos publicar uma série de artigos relacionados ao tema. Fique ligado.

Qual é o valor prognóstico do MoCA no quadro de AVCi agudo?

Sabe-se que o AVCi pode trazer danos cognitivos significativos, mas como definir tal prognóstico? Existiria alguma maneira de aferir esse dado? Descubra.

Síndrome da fadiga crônica: quando cogitar este diagnóstico?

A Síndrome da Fadiga Crônica é caracteriada como fadiga corporal, fadiga mental, fadiga emocional. No entanto, a doença tem sido comparada à Neurastenia.

Corticoides na sepse: como, quando e por que fazer?

Tempo de leitura: [rt_reading_time] minutos. Atualmente é difícil pensar em uma especialidade médica que não se utilize da corticoterapia. Seja a administração tópica ou sistêmica, em baixa ou alta dose, de tempo prolongado ou de curta duração, diversas áreas – Neurologia, Reumatologia, Dermatologia, etc. – recorrem ao uso de corticoides. Quem diria que uma substância …

4 princípios para escapar de armadilhas diagnósticas

Já imaginou se, diante de uma entrevista médica, as respostas diagnósticas simplesmente surgissem na sua cabeça? Pois é exatamente isso que ocorre.

Entrar | Cadastrar