Leia mais:
Leia mais:
Preservação da fertilidade em mulheres submetidas a tratamentos oncológicos
Câncer de mama: saiba detalhes com o especialista [podcast]
Exigência de atestado dificulta vacinação de pacientes oncológicos contra a Covid-19
Câncer de mama supera o pulmão como o tumor mais diagnosticado no mundo
Oncologistas ainda podem participar de estudo sobre cuidados contra o câncer na pandemia

Câncer colorretal: estudo analisa os principais fatores de risco

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

Quer acessar esse e outros conteúdos na íntegra?

Cadastrar Grátis

Faça seu login ou cadastre-se gratuitamente para ter acesso ilimitado a todos os artigos, casos clínicos e ferramentas do Portal PEBMED

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

O câncer colorretal tem apresentado elevação da sua taxa de incidência ao longo dos últimos anos, que acabou culminando com a recomendação de algumas sociedades em diminuir a idade inicial do screening com colonoscopia para 45 anos.

A fisiopatologia do câncer colorretal é multifatorial, e além do componente familiar, fatores externos influenciam no desenvolvimento da neoplasia. Porém não se conhece exatamente a influência de cada fator, nem se a combinações deles podem influenciar no manejo individual. 

O trabalho publicado analisou dois bancos de dados envolvendo profissionais de saúde saudáveis em duas coortes, uma com início em 1976 e a outra em 1986. Os dados foram coletados até 2014, e envolviam informações sobre hábitos alimentares e pessoais, além de acesso a informações sobre colonoscopias prévias. Foram retirados da análise pacientes com doença inflamatória intestinal.

Os fatores abaixo foram considerados como risco para o desenvolvimento do câncer colorretal: 

  • Parente de primeiro grau com câncer colorretal;
  • Tabagismo;
  • IMC >25;
  • Consumo de álcool (maior que 1 dose diária para mulheres ou duas doses para homem);
  • Atividade física;
  • Uso de AAS;
  • Altura;
  • Dieta.

O escore de risco poderia variar de 0-8, e era atribuído um ponto para cada ponto da lista. 

câncer colorretal

Tome as melhores decisões clinicas, atualize-se. Cadastre-se e acesse gratuitamente conteúdo de medicina escrito e revisado por especialistas

Resultados

A análise envolveu um total de 118 748 indivíduos, com idade média de 54 anos no momento do início do estudo. O tempo médio de observação foi de 26 anos. Foram documentados 2407 casos de câncer colorretal com 874 óbitos por esta causa. Do total de casos, 1039 (43,2%) ocorreram nos primeiros 10 anos de observação, e uma discreta maior prevalência de câncer proximal. 

Na análise comparativa entre as diferentes pontuações e como base aqueles com pontuação 0-2, os que apresentavam 3, 4, 5, 6-8 pontos possuíam 19,1%, 50,8%, 77,3% e 145,2%, maior risco para o desenvolvimento da neoplasia, respectivamente. A realização da colonoscopia entre as diferentes pontuações também foi associada a uma razão de risco variando de 0,50 a 0,59 (95% de intervalo de confiança), tanto em indivíduos com história familiar ou não.

Foi calculado a incidência acumulada de câncer cólon retal utilizando o parâmetro aos 45 anos com resultado de 0,47%. Ao dividir pela pontuação nos grupos 0-2, 3, 4, 5 e 6-8 a mesma incidência foi obtida na idade de 51, 48, 45, 42 e 38 anos respectivamente, com resultados similares em indivíduos com história familiar ou não. Ao se calcular utilizando a idade de 50 anos como parâmetro elevam porém mantém o mesmo padrão.

Leia também: 45 é o novo 50? Rastreio do câncer colorretal

Discussão

Apesar dos resultados deste estudo evidenciarem risco relativo semelhantes em indivíduos com diferentes perfis de risco, o benefício da colonoscopia é maior quando o pacientes possui maiores fatores de risco. Isto extrapola as recomendações, e portanto as indicações de realização de colonoscopia de screening deve ser ajustada para o perfil individual.

Diversos outros estudos já demonstraram o benefício da colonoscopia no screening do câncer colorretal, porém não houve estudo que examinasse a modificação das recomendações baseada nos fatores de risco individual. 

Estes achados dão embasamento substancial, com relevância para a saúde pública, que indivíduos com maiores risco de desenvolvimento de câncer colorretal devem ser submetidos a um controle mais rígido por colonoscopia.

Para levar para casa

A colono deve ser cada vez mais valorizada e utilizada como método de profilaxia primária e secundária do câncer colorretal. Este estudo nos dá um embasamento para antecipar a solicitação de colonos de screening em pacientes mais jovens. Esta prática ainda necessita ser confirmada pelas sociedades de especialidade, porém é uma tendência real. 

Autor:

Referências bibliográficas:

  • Wang K, Ma W, Wu K, et al. Long-Term Colorectal Cancer Incidence and Mortality After Colonoscopy Screening According to Individuals’ Risk Profiles. J Natl Cancer Inst. 2021;113(9):1177-1185. doi:10.1093/jnci/djab041
Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastrar Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Entrar | Cadastrar