Leia mais:
Leia mais:
Deltacron: nova variante é monitorada por comunidade científica
Deltacron: uma nova variante do coronavírus ou erro de laboratório? 

Deltacron: uma nova variante do coronavírus ou erro de laboratório? 

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

Um professor de ciências biológicas da Universidade do Chipre anunciou (8/1) uma possível convergência da assinatura genética da variante Ômicron do novo coronavírus, em genomas da variante Delta. 

Segundo Leondios Kostriki, a origem da suposta nova variante poderia ser um paciente contaminado pelas duas cepas, de forma simultânea. A partir da interação de ambas no organismo infectado, teria surgido a Deltacron. 

Em uma entrevista, o professor afirmou que atualmente existem coinfecções ômicron e delta, e que essa cepa pode ser uma combinação dessas duas. A partir da comunicação do pesquisador surgiram dúvidas se estaríamos mesmo diante de uma nova variante do vírus. 

O mais curioso é que alguns especialistas consideram que a Deltacron pode ser um erro causado pela contaminação das amostras em laboratório. 

Uma jornalista de 26 anos, moradora de Belo Horizonte, foi diagnosticada com a possível nova variante do vírus da Covid-19. A jovem é uma das 25 pessoas no mundo diagnosticadas com a nova cepa. 

Para voltar para o Brasil, a jornalista fez o teste e, devido à confirmação positiva, sua passagem foi adiada. A jovem começou a apresentar sintomas como febre, tosse e dor de garganta, e precisou ficar de quarentena. 

De acordo com informações veiculadas na imprensa, a brasileira já recebeu duas doses da vacina e passa bem.

Saiba mais: Covid-19: o que são e o que falta para termos autotestes disponíveis?

deltacron

O que se sabe sobre a Deltacron 

Como a cepa é nova e ainda precisa de confirmação oficial, pouco se sabe sobre qual seu potencial de transmissibilidade ou até mesmo sobre a gravidade causada pela variante. 

As descobertas vieram depois que as amostras foram processadas e passaram por diversos procedimentos de sequenciamento. Em um comunicado para a imprensa, os cientistas responsáveis negaram a existência de algum erro ou caso de contaminação no laboratório e defenderam a formação natural da nova cepa. 

Os sintomas da suposta nova variante seriam praticamente os mesmos das outras variantes e do próprio vírus da Covid-19, semelhantes ao da gripe e resfriado: cefaléia, febre, coriza, dor de garganta, espirro e tosse seca. 

O que diz a OMS 

A Organização Mundial da Saúde (OMS) disse nesta quinta-feira (13/1) que a informação que a Deltacron não seria a combinação conjunta das variantes Delta e Ômicron. 

“Na verdade, achamos que se trata do resultado da contaminação que aconteceu durante o processo de sequenciamento”, disse a líder técnica da Covid-19 da OMS, Maria Van Kerkhove, que complementou esclarecendo que é possível que um indivíduo seja infectado com diferentes variantes do novo coronavírus. 

A líder técnica da OMS também afirmou que houve exemplos de coinfecção, em que as pessoas foram infectadas com influenza e Covid-19 durante a pandemia.

Leia também: Ministério da Saúde reduz isolamento para sete dias em casos leves de Covid-19

“Houve uma revisão sistemática recente que analisou a prevalência dessa coinfecção por Covid-19 e influenza. Eles também verificaram se as pessoas tinham ou não doenças mais graves”, disse Maria Van Kerkhove, acrescentando que a revisão descobriu que a coinfecção não aumenta a gravidade da enfermidade.  

“Não vamos usar palavras como Deltacron, flurona ou flurone, por favor. Essas palavras implicam combinação de vírus/variantes e isso não está acontecendo”, tuitou a líder técnica da OMS.

*Esse artigo foi revisado pela equipe médica da PEBMED 

Referências bibliográficas:

Autor(a):

Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastre-se grátis Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades
Referências bibliográficas:

    O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

    Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.