Leia mais:
Leia mais:
Quiz: Paciente pediátrico com aumento do volume na hemiface direita e febre. Qual o diagnóstico?
Quiz: Adulto jovem com reação cutânea após uso de antibiótico. Qual o diagnóstico?
Quiz: Homem hipertenso e diabético com queixa de febre, dor lombar e palpitações. Como tratar?
Quiz: Paciente de 35 anos apresenta febre e perda ponderal há cerca de um mês. Qual o diagnóstico?
Caso clínico: Paciente feminina com quadro de perda ponderal. Qual o diagnóstico?

Febre Amarela: os cuidados na vacinação de crianças, adolescentes e gestantes

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

Quer acessar esse e outros conteúdos na íntegra?

Cadastrar Grátis

Faça seu login ou cadastre-se gratuitamente para ter acesso ilimitado a todos os artigos, casos clínicos e ferramentas do Portal PEBMED

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

Tempo de leitura: [rt_reading_time] minutos.

Cada vez mais casos de febre amarela vêm sendo confirmados todos os dias no Brasil, levando o Governo a intensificar as campanhas de vacinação e, em algumas cidades, fracionar a dose para atender mais pessoas. Pensando nisso, a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) publicou um manual com suas recomendações para a imunização contra a doença de crianças, adolescentes e gestantes.

Dose fracionada

– Crianças com 2 anos ou mais podem receber a dose fracionada da vacina contra a febre amarela, desde que não apresentem condições clínicas especiais.

– Crianças com menos de 2 anos ou que forem fazer uma viagem internacional para um país que exija o Certificado Internacional, a SBP recomenda que seja aplicada a dose padrão da vacina. Essa recomendação também vale para gestantes e pessoas imunocomprometidas.

– Mulheres que moram em áreas de risco e estiverem amamentando criança com menos de 6 meses podem receber uma dose fracionada da vacina. No entanto, o aleitamento materno deve ser suspenso por 10 dias após a vacinação.

Alergias e outras vacinas

– Crianças e adolescentes com história de alergia grave ao ovo e à gelatina podem receber a vacina após avaliação médica e em ambiente com condições de atendimento de emergência.

– Em crianças com menos de 2 anos, a vacina não deve ser administrada simultaneamente com a tríplice viral ou tetra viral.

Não devem receber a vacina contra a febre amarela:

  • Crianças com menos de seis meses;
  • Pessoas que fazem uso de medicações antimetabólicas ou medicamentos modificadores do curso da doença (Infliximabe, Etanercepte, Golimumabe, Certolizumabe, Abatacept, Belimumabe, Ustequinumabe, Natalizumabe, Canaquinumabe, Tocilizumabe, Ritoximabe e outros terminados com MOMAB, XIMAB, ZUMAB ou UMAB);
  • Indivíduos transplantados de órgãos sólidos;
  • Indivíduos com doença oncológica em quimioterapia/radioterapia.

Leia também: ‘Febre amarela – manifestações clínicas e abordagem diagnóstica’

*Esse artigo foi revisado pela equipe médica da PEBMED

Referências:

Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastrar Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

O Portal PEBMED é destinado para médicos e profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.