Covid-19: Vacina contra poliomielite pode ajudar no combate ao novo coronavírus?

A vacina oral contra a poliomielite pode ser utilizada para a criação de uma barreira protetora temporária contra infecções causadas pelo novo coronavírus?

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar esse conteúdo crie um perfil gratuito no AgendarConsulta.

A vacina oral contra a poliomielite pode ser utilizada para a criação de uma barreira protetora temporária contra infecções causadas pelo novo coronavírus. É o que acredita um grupo de pesquisadores da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

A instituição de ensino é reconhecida mundialmente por ser um dos centros internacionais de avaliação da eficácia da vacina do Papilomavírus Humano (HPV) em homens e mulheres.

agulha de seringa para vacina contra novo coronavírus

Vacinas contra Covid-19

Outras duas vacinas também estavam sendo avaliadas para serem estudadas pelo grupo: a BCG, que age contra a tuberculose, e a vacina contra o sarampo.

“Essas três vacinas apresentam a mesma característica com microrganismos vivos mais atenuados e, em função disso, estimulam a primeira fase do nosso sistema de defesa, chamada de imunidade inata, de uma forma bastante eficaz e robusta. E isso nos daria uma proteção de, pelo menos, seis meses para a prevenção de infecções pelo novo coronavírus para conseguirmos mais tempo para encontrar uma vacina mais específica no mercado”, acredita o coordenador da pesquisa, chefe do Centro de Pesquisa Clínica do Hospital Universitário da UFSC, Edison Fedrizzi, que também é professor de Medicina da instituição e doutor em Medicina pela Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo (EPM/Unifesp), em entrevista ao Portal de Notícias da PEBMED.

O pesquisador explicou que o fato de ser uma gotinha aplicada via oral foi outro ponto a favor da vacina contra a pólio, uma que, administrada em adultos, cria uma barreira de proteção importante nas vias aéreas, principal porta de entrada do novo coronavírus no indivíduo.

Leia mais: Sociedade Brasileira de Imunizações lança cartilha de vacinação durante pandemia do novo coronavírus

“A maioria dos países de primeiro mundo já substituiu a vacina oral da poliomielite para a forma injetável. Muitos delas com associações de outras vacinas para facilitar o calendário escolar. Porém, passando para a forma injetável, perdemos essa capacidade de estimular a primeira fase do nosso sistema de defesa e a possibilidade da criação desta barreira específica contra outras infecções’, explica o professor.

Ainda segundo Edison Fedrizzi, o Brasil tem uma facilidade enorme em relação a países que já trocaram a vacina oral pela injetável: o fato de termos disponível a forma oral, produzida pela Bio-Manguinhos/Fiocruz, que é barata e oferecida no Programa Nacional de Imunizações.

“E aqui também temos a indicação dessa vacina para adultos quando vão viajar para algum país que tenha a doença como endêmica. Então, adultos, quando vão para esses locais, recebem essa recomendação”, acrescentou.

Ouça também: Dia da Imunização: como é a produção de uma nova vacina e o que falta para vacina da Covid-19? [podcast]

Como será realizada a pesquisa

A previsão é que a pesquisa seja iniciada no início de julho. No primeiro momento, serão chamados 300 voluntários, que serão os trabalhadores da área de saúde, que estão mais expostos à infecção do novo coronavírus.

O grupo da UFSC se reuniu com a Secretaria Estadual de Saúde e a proposta é que o experimento seja ampliado para todo o estado de Santa Catarina, com um total estimado de 1.500 voluntários, que estejam na linha de frente ao combate da pandemia.

*Esse artigo foi revisado pela equipe médica da PEBMED

Referências bibliográficas:

Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastre-se grátis Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo

Selecione o motivo:
Errado
Incompleto
Desatualizado
Confuso
Outros

Sucesso!

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo.

Você avaliou esse artigo

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Baixe e-books, e outros materiais para aprimorar sua prática médica e gestão Baixe e-books, e outros materiais
para aprimorar sua prática
médica e gestão