Eraldo Ribeiro Ferreira Leão de Moraes

Doutor em ciências pela UNIFESP/Escola Paulista de Medicina. Cardiologista Pós-graduado em Arritmia Clínica • Eletrofisiologia Clínica e Invasiva pela Universidade Federal de São Paulo/Escola Paulista de Medicina • Titular Especialista em Cardiologia pela SBC (RQE 8449) • Titular Especialista em Eletrofisiologia Clínica e Invasiva pela SOBRAC (RQE 8450) • Titular Especialista em Marca-passo pelo DECA-SBCCV.

ESC 2021: ressincronização cardíaca seguida de ablação do nó AV em pacientes com FA sintomática é uma boa opção?

O estudo APAF-CRT, apresentado ESC 2021, demonstrou que associar um dispositivo ressincronizador poderia ajudar no controle de sintomas de FA.

ESC 2021: sintomas são importantes na decisão de controle de ritmo de pacientes com FA?

Uma nova nova análise retrospectiva do estudo EAST-AFNET tentou responder se os sintomas importam na decisão de controle de ritmo precoce.

ACC 2021: a ingestão de álcool realmente induz fibrilação atrial?

O álcool funciona como um gatilho para fibrilação atrial? Para responder, foi apresentado o estudo HOLIDAY no ACC 2021. Saiba mais.

ACC 2021: ablação de fibrilação atrial é superior ao controle de frequência cardíaca em pacientes com IC?

Em estudo apresentado no ACC 2021 avaliou se a ablação de fibrilação atrial é maior ao controle de frequência cardíaca em pacientes com IC.

ACC 2021: o que já sabemos sobre anticoagulantes em pacientes com Covid-19?

Uma sessão inteira do congresso do ACC 2021 foi dedicada à discussão o uso de anticoagulantes na Covid-19. Confira.

Monitores com inteligência artificial são capazes de monitorar o intervalo QT?

Um estudo publicado esse mês no Circulation investigou o uso de uma tecnologia que envolve um algoritmo de detecção de intervalo QT acima de 500 ms.

AHA 2020: Polipílula se tornou uma boa opção para prevenir doenças cardiovasculares?

O estudo TIPS-3, apresentado no AHA 2020, investigou o uso de polipílula na prevenção de desfechos cardiovasculares.

AHA 2020: Ômega 3 é capaz de reduzir risco de doenças cardiovasculares em pacientes de alto risco?

O estudo STRENGHT, apresentado no AHA 2020, investiga o uso de ômega 3 na prevenção de desfechos cardiovasculares.

AHA 2020: Vitamina D e ômega 3 são capazes de prevenir fibrilação atrial?

O estudo VITAL-Rhythm, apresentado no AHA 2020, investigou o uso de ômega 3 e/ou vitamina D na prevenção de desfechos cardiovasculares.

Avaliação cardiovascular de risco cirúrgico: vamos revisar?

Uma recente revisão traz informações úteis para quem faz avaliação de pacientes que serão submetidos a cirurgia eletiva, o risco cirúrgico.

Entrar | Cadastrar