Marcos Tadashi K. Toyoshima

Graduação em Medicina pela Universidade de São Paulo (2002). Residência Médica em Clínica Médica no Hospital das Clínicas da FMUSP (2003-2004), com 3º ano adicional em Clínica Médica em 2005. Residência Médica em Endocrinologia e Metabologia no Hospital das Clínicas da FMUSP (2006-2007). Foi médico preceptor do Departamento de Endocrinologia e Metabologia do Hospital das Clínicas da FMUSP em 2008. Postdoctoral fellow em Endocrinologia pela Emory University (Atlanta - EUA) em 2010 e 2011. Médico assistente da Unidade de Oncologia Endócrina no Instituto do Câncer do Estado de São Paulo do Hospital das Clínicas da FMUSP. Médico do Check-up do Hospital Israelita Albert Einstein - São Paulo. Co-fundador do aplicativo InsulinAPP.

Qual a relação entre o ibuprofeno, iECA, BRA e o novo coronavírus?

Estudo epidemiológico mostrou maior taxa de infecção do coronavírus em pacientes com doenças cardiovasculares. Tem relação com o uso de iECA e BRA?

Insulina inalatória em aprovação na ANVISA e insulina oral: novidades no tratamento do diabetes

A realidade dos pacientes com DM sem reserva pancreática de insulina, que incluem aqueles com DM tipo 1 e pacientes com DM tipo 2 em uso de insulinoterapia, pode mudar.

NEJM: nova revisão sobre hipotireoidismo subclínico

Uma recente revisão foi publicada no periódico New England Journal of Medicine sobre hipotireoidismo subclínico. Veja aqui os principais pontos.

Macroprolactina pode ser causa de elevação de prolactina?

A prolactina é um hormônio secretado pela adeno-hipófise, responsável principalmente pelo estímulo da produção de leite pelas glândulas mamárias.

Hiponatremia e hipercalemia ocorrem na insuficiência adrenal primária, secundária / terciária ou em todas as formas?

A IAP é definida como a incapacidade do córtex adrenal em produzir quantidades suficientes de glicocorticosteroides, associados ou não à insuficiência de mineralocorticosteroides.

Cuidado! Diabetes de início recente pode ser um sinal precoce de câncer de pâncreas

O câncer de pâncreas é a 4ª causa de morte por câncer nos EUA. Devido a baixa prevalência, o rastreamento de indivíduos assintomáticos não é recomendado.

Incidentaloma de hipófise: o que é e o que fazer?

À medida que os métodos diagnósticos por imagem vão evoluindo, as estruturas anatômicas são cada vez mais nitidamente visualizadas.

Rastreamento de câncer de tireoide ou de tiroide?

Queremos saber a sua opinião! Gostou de ouvir essa notícia em áudio? Clique aqui e responda nossa pesquisa. Recentemente a US Preventive Service Task Force (USPSTF) revisou as evidências prós e contras do rastreamento de câncer de tireoide em pacientes assintomáticos e concluiu que há mais prejuízos do que benefícios em realizá-lo de rotina. A …

Mudança de hábito: vale a pena solicitar hemoglobina glicada aos pacientes com hiperglicemia hospitalar

Como já foi definida previamente, a hiperglicemia hospitalar é a elevação da glicemia maior que 140 mg/dL em ambiente intra-hospitalar.

Hipoglicemia no hospital: faz sentido tratar com glicose endovenosa todos os pacientes?

A administração endovenosa de fluidos e medicações é prática frequente em pacientes internados, mais comumente realizada pelo acesso venoso periférico.

Entrar | Cadastrar