Home / Colunistas / EAP 2021: leptospirose grave em criança de 11 anos, causada por rato de estimação

EAP 2021: leptospirose grave em criança de 11 anos, causada por rato de estimação

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

Quer acessar esse e outros conteúdos na íntegra?

Cadastrar Grátis

Faça seu login ou cadastre-se gratuitamente para ter acesso ilimitado a todos os artigos, casos clínicos e ferramentas do Portal PEBMED

A leptospirose é uma infecção bacteriana que pode causar vários sintomas inespecíficos, como febre, mialgia, cefaleia e dor abdominal. A transmissão da doença pode ocorrer por ratos ou águas superficiais infectadas por esses roedores.

Em 2019, a Holanda registrou um número recorde de casos de leptospirose. Infelizmente, o diagnóstico costuma ser tardio e nem sempre considerado devido à apresentação clínica variável da doença. Além disso, não existem regras ou certificados de qualidade relativos à prevenção de doenças para criadores de ratos de estimação.

rato de estimação comendo frutinha, contaminado com leptospirose

Caso de leptospirose

Os pesquisadores holandeses Kraijenhoff e colaboradores apresentaram, no European Academy of Pediatrics Congress (EAP 2021) , o caso de uma menina de 11 anos com quadro de febre, mialgia e cefaleia, seguidos de torcicolo. Dois dias antes, ela havia sido mordida por um de seus ratos de estimação.

A investigação diagnóstica confirmou meningite por leptospirose, sendo a paciente tratada com ceftriaxona intravenosa por sete dias. Foi descoberto que seus ratos de estimação estavam infectados com leptospirose. O criador de ratos também desenvolveu sintomas e também foi tratado com antibióticos. Os ratos foram sacrificados.

Conclusões

O objetivo desse relato foi chamar a atenção para que o diagnóstico de leptospirose seja sempre considerado em pacientes com sintomas inespecíficos inexplicáveis ​​combinados com exposição a ratos. Ademais, é necessária uma maior conscientização sobre as zoonoses tanto entre os profissionais de saúde quanto entre criadores de animais.

No Brasil, a leptospirose é uma doença que consta na lista dos agravos de notificação compulsória imediata, isto é, sua notificação deve ser realizada em até 24 horas.

Veja mais do congresso:

Autora:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Entrar | Cadastrar