Fórum de Sepse 2022: sepse pediátrica e neonatal

Uma apresentação no Fórum de Sepse 2022 tratou dos dados da covid-19 no Brasil e os riscos de complicação pediátrica.

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar esse conteúdo crie um perfil gratuito no AgendarConsulta.

Iniciou-se hoje o XVIII Fórum Internacional de Sepse, em São Paulo. O evento tem com o objetivo de compartilhar e discutir essas novidades com todos os profissionais das múltiplas profissões interessados em sepse.

Fórum de sepse 2022 sepse pediátrica e neonatal

Covid-19 em crianças: lacunas e oportunidades

O professor da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, Dr. Marco Aurélio Sáfadi, apresentou dados da covid-19 no Brasil até o mês de Maio deste ano com um total de 54.000 hospitalizações por síndrome respiratória aguda grave e 2.791 mortes em crianças e adolescentes de 0 a 19 anos.

Ele destacou que a doença não deve ser negligenciada na criança e que as estimativas de soroprevalência sejam similares ou até maiores que os adultos (devido a momentos diferentes de vacinação).

Os principais fatores de risco pontuados e relacionados a desfechos grave são a doença pulmonar crônica, doença neurológica, doença cardiovascular, prematuridade, alteração de vias aéreas, dependência de nutrição enteral, diabetes mellitus, obesidade, doença pulmonar crônica e atraso no desenvolvimento.

Apesar da infecção pela covid-19 apresentar um curso mais leve em crianças do que aquele apresentado por adultos, há uma apresentação clínica mais grave da covid-19 em crianças: síndrome inflamatória multissistêmica associada a covid-19 (MIS-C) e o risco está em torno e 1 caso a cada 3.000/4.000 crianças infectadas.

Por fim, a vacinação deve ser considerada prioriária em crianças e adolescentes de alto risco de covid-19 grave.

Ponto destaque

Foi levantada a hipótese de patologia mediada por superantígenos SARS-CoV-2 potencializada pelo adenovírus em hepatite aguda grave de origem desconhecida. Confira o artigo apresentado no evento e recém-publicado e seu complemento.

Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastre-se grátis Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo

Selecione o motivo:
Errado
Incompleto
Desatualizado
Confuso
Outros

Sucesso!

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Avaliar artigo

Dê sua nota para esse conteúdo.

Você avaliou esse artigo

Sua avaliação foi registrada com sucesso.

Baixe e-books, e outros materiais para aprimorar sua prática médica e gestão Baixe e-books, e outros materiais
para aprimorar sua prática
médica e gestão

Especialidades