Leia mais:
Leia mais:
Check-up semanal: azitromicina na bronquiolite, tromboflebite superficial e mais [podcast]
ISICEM 2022: CNAF isolado ou associado à VNI na insuficiência respiratória em imunodeprimidos?
Azitromicina durante a bronquiolite grave por vírus sincicial previne quadro de sibilância recorrente?
Uso da ventilação não invasiva no tratamento da bronquiolite: existe melhora do prognóstico?
Podcast da PEBMED: destaques do Chest 2021 sobre pneumologia e terapia intensiva [podcast]

AAP 2021: uso de cânula nasal de alto fluxo em crianças com bronquiolite nas enfermarias

Sua avaliação é fundamental para que a gente continue melhorando o Portal Pebmed

O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

Sabemos que a bronquiolite é a causa mais comum de hospitalização em lactentes. A cânula nasal de alto fluxo (CNAF) é um suporte respiratório não invasivo cada vez mais usado para pacientes com bronquiolite. Inicialmente, foi implementado em UTIs, e vários estudos mostraram bons resultados com taxas de fluxo mais altas de 1,5-2 L/kg/min.

Um estudo apresentado na AAP Experience 2021, congresso da American Academy of Pediatrics, por Danni Liang, da Pensilvânia, mostrou redução no tempo de permanência em UTI quando implementado um protocolo de CNAF “aprimorado” com taxas de fluxo de 1,5-2mL/kg/min nas enfermarias em 2019.

uti pediátrica com crianças em uso de cânula nasal de alto fluxo para bronquiolite

Cânula nasal de alto fluxo na bronquiolite

Métodos: estudo retrospectivo conduzido em um hospital pediátrico urbano com crianças de 0 a 24 meses com diagnóstico de bronquiolite aguda tratada com CNAF. O desfecho primário foi a permanência na UTI. Os desfechos secundários incluíram transferências de UTI, número de respostas rápidas e códigos, permanência do departamento de emergência e permanência geral do hospital.

Resultados

703 prontuários eletrônicos de crianças com idades entre 0-24 meses com diagnóstico de bronquiolite dentro dos dois períodos de tempo foram revisados ​​para elegibilidade. 64 pacientes foram incluídos na análise final. Não houve diferença estatística na porcentagem de pacientes iniciados em CNAF (13,8% vs 16,5%) e nenhuma variação demográfica significativa entre os grupos de estudo.

Quando comparado ao grupo pré-protocolo, o grupo de protocolo demonstrou menor tempo de permanência na UTI (28,7 horas vs 78,8 horas, respectivamente, p <0,001) e o tempo de internação hospitalar também reduziu (74,2 horas vs 98,6 horas, p = 0,009). Houve também menos pacientes tratados na UTI (60% vs 100%, p <0,001), com menos pacientes necessitando de transferência para a UTI das enfermarias pediátricas gerais (23,8% vs 100%, p <0,004) no grupo estudado.

Conclusão

A implementação de um protocolo CNAF “aprimorado” nas enfermarias reduziu o tempo de permanência e a utilização de recursos na UTI, sem um aumento de eventos adversos graves em crianças de 0 a 24 meses com bronquiolite.

Mais do AAP Experience 2021:

Autor(a):

Cadastre-se ou faça login para acessar esse e outros conteúdos na íntegra
Cadastrar Fazer login
Veja mais beneficios de ser usuário do Portal PEBMED: Veja mais beneficios de ser usuário
do Portal PEBMED:
7 dias grátis com o Whitebook Aplicativo feito para você, médico, desenhado para trazer segurança e objetividade à sua decisão clínica.
Acesso gratuito ao Nursebook Acesse informações fundamentais para o seu dia a dia como anamnese, semiologia.
Acesso gratuito Fórum Espaço destinado à troca de experiências e comentários construtivos a respeito de temas relacionados à Medicina e à Saúde.
Acesso ilimitado Tenha acesso a noticias, estudos, atualizacoes e mais conteúdos escritos e revisados por especialistas
Teste seus conhecimentos Responda nossos quizes e estude de forma simples e divertida
Conteúdos personalizados Receba por email estudos, atualizações, novas condutas e outros conteúdos segmentados por especialidades
Referências bibliográficas:

    O Portal PEBMED é destinado para médicos e demais profissionais de saúde. Nossos conteúdos informam panoramas recentes da medicina.

    Caso tenha interesse em divulgar seu currículo na internet, se conectar com pacientes e aumentar seus diferenciais, crie um perfil gratuito no AgendarConsulta, o site parceiro da PEBMED.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.