Tag: infarto agudo do miocárdio

Quando desconfiar que a troponina não é coronariana?

Já se sabe há algum tempo que a troponina é um componente fundamental na avaliação de síndrome coronariana aguda e de infarto agudo do miocárdio (IAM).

AHA 2019: será a morte do Impella?

O uso de suporte circulatório mecânico é importante no coronariopata agudo: no choque cardiogênico e na revascularização de pacientes de alto risco.

AHA 2019: colchicina no tratamento do infarto agudo do miocárdio

A doença arterial coronariana é uma doença multifatorial na qual a inflamação desempenha papel importante nos fatores de risco envolvidos na aterosclerose.

ESC 2019: ticagrelor não reduz eventos em diabéticos com angina

Estudo mostrou que a associação de ticagrelor com AAS em diabéticos com angina estável, mas sem IAM nem stent, não trouxe benefícios.

ESC 2019: no IAM com supraST, faça revascularização completa

Estudo apresentado no congresso da ESC 2019 mostrou que a estratégia de revascularização completa é benéfica nos pacientes com IAM com supraST.

Café da manhã e o risco de infarto: o que dizem as evidências?

Novas evidências têm reforçado a relação entre alimentos e padrões de dieta com o risco cardiovascular e outros desfechos importantes, como infarto.

Sintomas menos comuns do IAM devem ser observados com atenção

É fundamental que tanto os pacientes quanto os médicos estejam atentos aos sintomas menos conhecidos do infarto agudo do miocárdio (IAM).

RM Cardíaca melhora identificação da artéria culpada no IAM SSST

Em pacientes com infarto agudo do miocárdio sem supra de ST (IAM SSST), a coronariografia é a estratégia de estratificação preferida na maioria dos casos. Saiba mais:

TOP 10: os artigos de abril que você não pode deixar de ler

Entre os artigos mais acessados do mês de abril, estão desafios para testar seus conhecimentos, novidades sobre CID no atestado médico e muito mais.

Como diagnosticar infarto do miocárdio no ECG se o paciente tiver BRE?

Você sabe como usar o ECG nesse caso para diagnosticar um infarto do miocárdio com supradesnível do segmento ST (IMCSST)? Descubra: